Navegação Eventos - Artigos por Autores IPEN "KOIKE, AMANDA C.R."

Classificar por: Ordenar: Resultados:

  • IPEN-DOC 26248

    KOIKE, AMANDA C.R. ; ARAUJO, ELIAS S.; ALMEIDA-MURADIAN, LIGIA B.; VILLAVICENCIO, ANNA L.C.H. . Analysis of carotenoids in edible flowers of Dianthus chinensis processed by ionizing radiation. In: INTERNATIONAL NUCLEAR ATLANTIC CONFERENCE, October 21-25, 2019, Santos, SP. Proceedings... Rio de Janeiro: Associação Brasileira de Energia Nuclear, 2019. p. 2007-2014.

    Abstract: Over the last few years, the trend of using flowers in gastronomy, edible flowers are used in food preparations in order to add beauty, color and flavor. On the other hand, several species have active biologically substances, which play an important role in health maintenance. These highly perishable food should be grown without the use of pesticides. Thus, several methods are applied to increase the shelf life of food products, as well as ensure their quality and safety. Among the treatments, the food irradiation process has proven to be an effective tool in preserving and extending the shelf life of perishable product. Dianthus chinensis flowers, popularly known as Chinese pink (cravina), belongs to the family Caryophyllaceae, are native to Asia and Europe, are widely used in culinary preparations, being also acknowledged for their bioactive components and antioxidant properties. The purpose of this study was to evaluate carotenoids in D. chinensis flowers submitted to gamma irradiation and electron beam doses of 0.5, 0.8 and 1.0 kGy. High performance liquid chromatography was used to carotenoids determination. In the specie of edible flowers analyzed it was found carotenoid lutein (2.77 to x 7.52 mg/ 100 g). In general, the lutein was higher for irradiated samples, especially those treated with 0.8 and 1.0 kGy independently of irradiation technology. Accordingly, the applied irradiation treatments seemed to represent a feasible technology to preserve the quality of edible flower petals.

    Palavras-Chave: carotenoids; electron beams; flowers; gamma radiation; high-performance liquid chromatography; irradiation; radiation dose units; statistical data

  • IPEN-DOC 24043

    SILVA, PAMELA G. da ; KOIKE, AMANDA C.R. ; RODRIGUES, FLAVIO T.; VILLAVICENCIO, ANNA L.C.H. . Analysis of physical properties of color and texture in Goji-Berry processed by ionizing radiation. In: INTERNATIONAL NUCLEAR ATLANTIC CONFERENCE, October 22-27, 2017, Belo Horizonte, MG. Proceedings... Rio de Janeiro, RJ: Associação Brasileira de Energia Nuclear, 2017.

    Abstract: Goji-berry is fruit native from China, found on a red berry form and keeps an excellent source of antioxidants, such as carotenoids. The consumption of goji-berry is growing on the Brazilian commerce. To allow the commercialization of this foods its necessary of these foods are free of contaminants agents which may cause damages to the consumers health. For this warranty it’s required of this method does not harm the food properties and quality. For this check was made the study using goji-berry. Irradiation is one of the methods that improves the safety and extends the shelf life of some foods. Food irradiation is a technology process of exposing a particular food to a controlled dose of ionizing radiation. This study aimed compares the effects of ionizing radiation processing on physical properties of color and texture in goji-berries at different irradiation doses. Samples were bought on the retail market in the city of São Paulo and processed by ionizing radiation on Nuclear and Energy Research Institute (IPEN/CNEN-SP) at doses of 2.5; 5.0; 7.5; 10.0 kGy and the control group. Then the samples were followed by color and texture analyses. The color assay's results showed that the irradiation process decreased red and yellow pigments. On the other hand, the sample’s luminosity increased after being processed by ionizing radiation. On the texture assay was verified a decrease of the fruit compressive force, turning the fruit more softened.

    Palavras-Chave: color; fruits; ionizing radiations; radiation doses; radiation effects; texture

  • IPEN-DOC 24150

    KOIKE, AMANDA C.R. ; SILVA, PAMELA G. da ; RODRIGUES, FLAVIO T.; ALENCAR, SEVERINO M. de; VILLAVICENCIO, ANNA L.C.H. . Analysis on antioxidant activity by orac method in viola tricolor L. flowers processed by ionizing radiation. In: INTERNATIONAL NUCLEAR ATLANTIC CONFERENCE, October 22-27, 2017, Belo Horizonte, MG. Proceedings... Rio de Janeiro, RJ: Associação Brasileira de Energia Nuclear, 2017.

    Abstract: Edible flowers are increasingly being used in gastronomy, being also recognized for their potential valuable effects beneficial to human health. Viola tricolor L. (johnny-jump-up) flowers represents one of the most popular and are widely used in culinary preparations, being also acknowledged for their antioxidant properties. To improve the conservation and safety of flowers the new approaches can be used as ionizing radiation. Radiation treatment contribute to the improve the safety, quality and extends the shelf life of foods by disinfestation insects and reducing or eliminating pathogenic microorganisms. The purpose of this study was to evaluate the dose-dependent effects of electron beam and gamma irradiation in the doses of 0.5, 0.8, 1.0 kGy and control (non-irradiated) on the antioxidant activity of Viola tricolor L.by the Oxygen Radical Absorbance Capacity assay (ORAC). Therefore, the ionizing radiation did not affect the antioxidant activity of the flowers.

  • IPEN-DOC 24040

    KOIKE, AMANDA C.R. ; BARROS, LILLIAN; ANTONIO, AMILCAR L.; FERREIRA, ISABEL C.F.R.; VILLAVICENCIO, ANNA L.C.H. . Antioxidant activity of Dianthus chinensis L. flowers processed by ionizing radiation. In: INTERNATIONAL NUCLEAR ATLANTIC CONFERENCE, October 22-27, 2017, Belo Horizonte, MG. Proceedings... Rio de Janeiro, RJ: Associação Brasileira de Energia Nuclear, 2017.

    Abstract: Edible flowers are increasingly used in culinary preparations, which require new approaches to improve their conservation and safety. Irradiation treatment is safe and an effective alternative for food conservation, guaranteeing food quality, increasing shelf-life and disinfestation. This technology offers a versatile way to get good quality food while reducing post-harvest losses. Dianthus chinensis L. flowers, popularly known as Chinese pink, are widely used in culinary preparations, being also acknowledged for their bioactive components and antioxidant properties. The purpose of this study was to evaluate the antioxidant activity of D. chinensis flowers submitted to electron beam and gamma irradiation at 0, 0.5, 0.8 and 1 kGy. The antioxidant properties were evaluated through the 2,2-diphenyl-1-picrylhydrazyl (DPPH) scavenging activity, reducing power and β-carotene bleaching inhibition assays. Total phenolics were determined by the Folin-Ciocalteu assay. The antioxidant activity was higher for irradiated samples, especially those treated with 0.5 and 0.8 kGy, independently of the radiation source, which showed the highest capacity to inhibit β-carotene bleaching inhibition. Accordingly, the applied irradiation treatments seemed to represent feasible technology to preserve the quality of edible flower petals, being able to improve the antioxidant activity

    Palavras-Chave: antioxidants; dpph; electron beams; flowers; food processing; phenols; quality assurance

  • IPEN-DOC 21071

    KOIKE, AMANDA C.R. ; RODRIGUES, FLAVIO T. ; VILLAVICENCIO, ANNA L.C.H. . Colorimetric analysis of edible flower of Tropaeolum majus processed by ionizing radiation. In: INTERNATIONAL NUCLEAR ATLANTIC CONFERENCE; MEETING ON NUCLEAR APPLICATIONS, 12th; MEETING ON REACTOR PHYSICS AND THERMAL HYDRAULICS, 19th; MEETING ON NUCLEAR INDUSTRY, 4th, October 4-9, 2015, São Paulo, SP. Proceedings... 2015.

    Palavras-Chave: flowers; food; food processing; disinfestation; gamma radiation; electron beams; colorimetric dosemeters; radiation effects

  • IPEN-DOC 26896

    KOIKE, AMANDA C.R. ; SÁ, ANA P.N. de ; ARAUJO, ELIAS da S.; ALMEIDA-MURADIAN, LIGIA B. de; VILLAVICENCIO, ANNA L.C.H. . Evaluation of carotenoids in edible flowers processed by radiation. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE ALIMENTOS, 26., 13-16 de agosto, 2018, Belém, PA. Anais... Belém, PA: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2018. p. 5518-5524.

    Abstract: The use of flowers in the gastronomy has been growing in recent years, the world market for edible flowers is in full expansion, this kind of flower ensure a special note in the taste and in the decoration, and improve the nutritional aspects when added in food products. Its beneficial properties in health maintenance are also recognized, requiring new approaches to improve its conservation and safety. Food irradiation is an economically viable technology both in quality and safety. The purpose of this study was to evaluate carotenoids in Rosa chinensis and Tagete patula flowers submitted to gamma irradiation and electron beam doses of 0.5, 0.8 and 1.0 kGy. High performance liquid chromatography (HPLC) was used to carotenoids determination. The most abundant carotenoids were α-carotene for both species of flowers studied. In general, gamma-irradiated samples presented higher amounts in carotenoids (lutein and alfa-carotene) independently of the applied dose. However, the interaction between irradiation and samples did not affect carotenoids present in edible flowers petals.

  • IPEN-DOC 26250

    NEGRAO, BIANCA G. ; SÁ, ANA P.N. de ; KOIKE, AMANDA C.R. ; VILLAVICENCIO, ANNA L.C.H. . Evaluation of texture and color of ready-to-eat food processing by ionizing radiation. In: INTERNATIONAL NUCLEAR ATLANTIC CONFERENCE, October 21-25, 2019, Santos, SP. Proceedings... Rio de Janeiro: Associação Brasileira de Energia Nuclear, 2019. p. 2030-2037.

    Abstract: Development of ready to eat food need effective conservation technologies to ensure that product will be free from bacterial, viral, and pathogens contamination. Beyond t h a t, it is important to maintain satisfying consumers’ requirements about taste, practicality advantages and n utrition. In t his context irradiation process is a treatment that reaches to reduce the microbial load making food safer. For this purpose, different radiation doses may be applied, which may or may not interfere negatively on other parameters of food quality. The objec tive of this work is to evaluate the effects of ionizing radiation on the instrumental characteristics of an elaborated ready toeat product. The samples were irradiated at the Radiation Technology Center (CTR) of the Nuclear and Energy Research Institute ( IPEN / CNEN SP), with doses of 0 (control), 4.5 kGy and 7,5 kGy. After irradiation processing the Texture analysis were performed in a Texturometer TA XT2, Color measurements in a Minolta Chroma Meter and Water Activity (aw). Hardness results increased pro portionally with the increase in the applied dose. It was not found significant difference between the doses in relation to the results for aw. In conclusion, both doses can be used to this kind of product.

    Palavras-Chave: cobalt 60; color; food processing; gamma radiation; irradiation; radiation doses; radiation effects; texture

A pesquisa no RD utiliza os recursos de busca da maioria das bases de dados. No entanto algumas dicas podem auxiliar para obter um resultado mais pertinente.

É possível efetuar a busca de um autor ou um termo em todo o RD, por meio do Buscar no Repositório , isto é, o termo solicitado será localizado em qualquer campo do RD. No entanto esse tipo de pesquisa não é recomendada a não ser que se deseje um resultado amplo e generalizado.

A pesquisa apresentará melhor resultado selecionando um dos filtros disponíveis em Navegar

Os filtros disponíveis em Navegar tais como: Coleções, Ano de publicação, Títulos, Assuntos, Autores, Revista, Tipo de publicação são autoexplicativos. O filtro, Autores IPEN apresenta uma relação com os autores vinculados ao IPEN; o ID Autor IPEN diz respeito ao número único de identificação de cada autor constante no RD e sob o qual estão agrupados todos os seus trabalhos independente das variáveis do seu nome; Tipo de acesso diz respeito à acessibilidade do documento, isto é , sujeito as leis de direitos autorais, ID RT apresenta a relação dos relatórios técnicos, restritos para consulta das comunidades indicadas.

A opção Busca avançada utiliza os conectores da lógica boleana, é o melhor recurso para combinar chaves de busca e obter documentos relevantes à sua pesquisa, utilize os filtros apresentados na caixa de seleção para refinar o resultado de busca. Pode-se adicionar vários filtros a uma mesma busca.

Exemplo:

Buscar os artigos apresentados em um evento internacional de 2015, sobre loss of coolant, do autor Maprelian.

Autor: Maprelian

Título: loss of coolant

Tipo de publicação: Texto completo de evento

Ano de publicação: 2015

Para indexação dos documentos é utilizado o Thesaurus do INIS, especializado na área nuclear e utilizado em todos os países membros da International Atomic Energy Agency – IAEA , por esse motivo, utilize os termos de busca de assunto em inglês; isto não exclui a busca livre por palavras, apenas o resultado pode não ser tão relevante ou pertinente.

95% do RD apresenta o texto completo do documento com livre acesso, para aqueles que apresentam o significa que e o documento está sujeito as leis de direitos autorais, solicita-se nesses casos contatar a Biblioteca do IPEN, bibl@ipen.br .

Ao efetuar a busca por um autor o RD apresentará uma relação de todos os trabalhos depositados no RD. No lado direito da tela são apresentados os coautores com o número de trabalhos produzidos em conjunto bem como os assuntos abordados e os respectivos anos de publicação agrupados.

O RD disponibiliza um quadro estatístico de produtividade, onde é possível visualizar o número dos trabalhos agrupados por tipo de coleção, a medida que estão sendo depositados no RD.

Na página inicial nas referências são sinalizados todos os autores IPEN, ao clicar nesse símbolo será aberta uma nova página correspondente à aquele autor – trata-se da página do pesquisador.

Na página do pesquisador, é possível verificar, as variações do nome, a relação de todos os trabalhos com texto completo bem como um quadro resumo numérico; há links para o Currículo Lattes e o Google Acadêmico ( quando esse for informado).

ATENÇÃO!

ESTE TEXTO "AJUDA" ESTÁ SUJEITO A ATUALIZAÇÕES CONSTANTES, A MEDIDA QUE NOVAS FUNCIONALIDADES E RECURSOS DE BUSCA FOREM SENDO DESENVOLVIDOS PELAS EQUIPES DA BIBLIOTECA E DA INFORMÁTICA.

O gerenciamento do Repositório está a cargo da Biblioteca do IPEN. Constam neste RI, até o presente momento 20.950 itens que tanto podem ser artigos de periódicos ou de eventos nacionais e internacionais, dissertações e teses, livros, capítulo de livros e relatórios técnicos. Para participar do RI-IPEN é necessário que pelo menos um dos autores tenha vínculo acadêmico ou funcional com o Instituto. Nesta primeira etapa de funcionamento do RI, a coleta das publicações é realizada periodicamente pela equipe da Biblioteca do IPEN, extraindo os dados das bases internacionais tais como a Web of Science, Scopus, INIS, SciElo além de verificar o Currículo Lattes. O RI-IPEN apresenta também um aspecto inovador no seu funcionamento. Por meio de metadados específicos ele está vinculado ao sistema de gerenciamento das atividades do Plano Diretor anual do IPEN (SIGEPI). Com o objetivo de fornecer dados numéricos para a elaboração dos indicadores da Produção Cientifica Institucional, disponibiliza uma tabela estatística registrando em tempo real a inserção de novos itens. Foi criado um metadado que contém um número único para cada integrante da comunidade científica do IPEN. Esse metadado se transformou em um filtro que ao ser acionado apresenta todos os trabalhos de um determinado autor independente das variáveis na forma de citação do seu nome.

A elaboração do projeto do RI do IPEN foi iniciado em novembro de 2013, colocado em operação interna em julho de 2014 e disponibilizado na Internet em junho de 2015. Utiliza o software livre Dspace, desenvolvido pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT). Para descrição dos metadados adota o padrão Dublin Core. É compatível com o Protocolo de Arquivos Abertos (OAI) permitindo interoperabilidade com repositórios de âmbito nacional e internacional.

1. Portaria IPEN-CNEN/SP nº 387, que estabeleceu os princípios que nortearam a criação do RDI, clique aqui.


2. A experiência do Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN-CNEN/SP) na criação de um Repositório Digital Institucional – RDI, clique aqui.

O Repositório Digital do IPEN é um equipamento institucional de acesso aberto, criado com o objetivo de reunir, preservar, disponibilizar e conferir maior visibilidade à Produção Científica publicada pelo Instituto, desde sua criação em 1956.

Operando, inicialmente como uma base de dados referencial o Repositório foi disponibilizado na atual plataforma, em junho de 2015. No Repositório está disponível o acesso ao conteúdo digital de artigos de periódicos, eventos, nacionais e internacionais, livros, capítulos, dissertações, teses e relatórios técnicos.

A elaboração do projeto do RI do IPEN foi iniciado em novembro de 2013, colocado em operação interna em julho de 2014 e disponibilizado na Internet em junho de 2015. Utiliza o software livre Dspace, desenvolvido pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT). Para descrição dos metadados adota o padrão Dublin Core. É compatível com o Protocolo de Arquivos Abertos (OAI) permitindo interoperabilidade com repositórios de âmbito nacional e internacional.

O gerenciamento do Repositório está a cargo da Biblioteca do IPEN. Constam neste RI, até o presente momento 20.950 itens que tanto podem ser artigos de periódicos ou de eventos nacionais e internacionais, dissertações e teses, livros, capítulo de livros e relatórios técnicos. Para participar do RI-IPEN é necessário que pelo menos um dos autores tenha vínculo acadêmico ou funcional com o Instituto. Nesta primeira etapa de funcionamento do RI, a coleta das publicações é realizada periodicamente pela equipe da Biblioteca do IPEN, extraindo os dados das bases internacionais tais como a Web of Science, Scopus, INIS, SciElo além de verificar o Currículo Lattes. O RI-IPEN apresenta também um aspecto inovador no seu funcionamento. Por meio de metadados específicos ele está vinculado ao sistema de gerenciamento das atividades do Plano Diretor anual do IPEN (SIGEPI). Com o objetivo de fornecer dados numéricos para a elaboração dos indicadores da Produção Cientifica Institucional, disponibiliza uma tabela estatística registrando em tempo real a inserção de novos itens. Foi criado um metadado que contém um número único para cada integrante da comunidade científica do IPEN. Esse metadado se transformou em um filtro que ao ser acionado apresenta todos os trabalhos de um determinado autor independente das variáveis na forma de citação do seu nome.