Navegação Periódicos - Artigos por assunto "x-ray spectra"

Classificar por: Ordenar: Resultados:

  • IPEN-DOC 18348

    LUCENA, RODRIGO F.; POTIENS, MARIA da P.A. . Análise dos efeitos da filtração adicional em feixes de raios X a partir dos cálculos de energia média por fóton em espectros de raios X. Revista Brasileira de Fisica Medica, v. 5, n. 3, p. 239-244, 2012.

    Palavras-Chave: biomedical radiography; diagnostic techniques; solid scintillation detectors; x radiation; x-ray spectra; x-ray spectroscopy; x-ray tubes

  • IPEN-DOC 11625

    COSTA, PAULO R.; NERSISSIAN, DENISE Y.; SALVADOR, FERNANDA C.; RIO, PATRICIA B.; CALDAS, LINDA V.E. . Generation of calibrated tungsten target x-ray spectra: modified TBC model. Health Physics, v. 92, n. 1, p. 24-32, 2007.

    Palavras-Chave: tungsten; calibration; x-ray spectra; targets; x-ray tubes; radiation doses; diagnostic techniques; bremsstrahlung

  • IPEN-DOC 10168

    NOGUEIRA, M.S.; MOTA, H.C.; CAMPOS, L.L. . (HP)Ge measurement of spectra for diagnostic X-ray beams. Radiation Protection Dosimetry, v. 111, n. 1, p. 105-110, 2004.

    Palavras-Chave: x-ray spectra; radiology; diagnosis; energy range; high-purity ge detectors; multi-channel analyzers; filtration; aluminium; lead; monitoring

  • IPEN-DOC 24709

    BARROS, SUELEN F.; VANIN, VITO R.; MAIDANA, NORA L.; MARTINS, MARCOS N.; GARCIA-ALVAREZ, JUAN A.; SANTOS, OSVALDO C.B.; RODRIGUES, CLEBER L.; KOSKINAS, MARINA F. ; FERNANDEZ-VAREA, JOSE M.. Ionization cross sections of the Au L subshells by electron impact from the L3 threshold to 100 keV. Journal of Physics B: Atomic, Molecular and Optical Physics, v. 51, n. 2, p. 1-11, 2018. DOI: 10.1088/1361-6455/aa98d3

    Abstract: We measured the cross sections for Au Lα, Lβ, Lγ, Lℓ and Lη x-ray production by the impact of electrons with energies from the L3 threshold to 100 keV using a thin Au film whose mass thickness was determined by Rutherford Backscattering Spectrometry. The x-ray spectra were acquired with a Si drift detector, which allowed to separate the components of the Lγ multiplet lines. The measured Lα, Lβ, ${\rm{L}}{\gamma }_{1}$, L${\gamma }_{\mathrm{2,3,6}}$, ${\rm{L}}{\gamma }_{\mathrm{4,4}^{\prime} }$, ${\rm{L}}{\gamma }_{5}$, ${\rm{L}}{\ell }$ and Lη x-ray production cross sections were then employed to derive Au L1, L2 and L3 subshell ionization cross sections with relative uncertainties of 8%, 7% and 7%, respectively; these figures include the uncertainties in the atomic relaxation parameters. The correction for the increase in electron path length inside the Au film was estimated by means of Monte Carlo simulations. The experimental ionization cross sections are about 10% above the state-of-the-art distorted-wave calculations.

    Palavras-Chave: inner-shell ionization; l shell; radiation metrology; electrons; x-ray spectra; silicon; dwba; radiation detectors; drift chambers

  • IPEN-DOC 12735

    MORALLES, M. ; BONIFACIO, D.A.B.; BOTTARO, M.; PEREIRA, M.A.G.. Monte Carlo and least-squares methods applied in unfolding of X-ray spectra measured with cadmium telluride detectors. Nuclear Instruments and Methods in Physics Research, v. 580, Section A, p. 270-273, 2007.

    Palavras-Chave: x-ray spectra; cdte semiconductor detectors; monte carlo method; least square fit; simulation; diagnosis

  • IPEN-DOC 27557

    OLIVEIRA, E.C. de ; BENTO, R.T. ; CORREA, O.V. ; PILLIS, M.F. . Visible-light photocatalytic activity and recyclability of N-doped TiO2 films grown by MOCVD / Atividade fotocatalítica sob luz visível e reutilização de filmes de TiO2 dopados com N crescidos por MOCVD. Cerâmica, v. 66, n. 380, p. 451-459, 2020. DOI: 10.1590/0366-69132020663802957

    Abstract: Nitrogen-doped TiO2 films were grown on borosilicate glass substrates at 400 °C by the metallorganic chemical vapor deposition (MOCVD) for removing dye from water under visible light. The effect of N-doping on the structural, surface, and photocatalytic properties of films was evaluated. X-ray photoelectron spectroscopy (XPS) analyses revealed that 1.56 and 2.44 at% of nitrogen were incorporated into the films by varying the NH3 flux during the growth. Methyl orange dye degradation experiments showed that the N-doped films presented photoactivity under visible light. The film containing 2.44 at% of nitrogen exhibited the best photocatalytic behavior, with 55% of efficiency. Recyclability tests under visible light showed that the film efficiency dropped gradually after each test. N-TiO2 films grown by MOCVD have the potential to be used in environmental applications by removing pollutants using a green method under sunlight or even under internal illumination, although its reuse is limited.

    Palavras-Chave: photocatalysis; titanium oxides; thin films; nanostructures; chemical vapor deposition; organometallic compounds; nitrogen; doped materials; recycling; x-ray spectra

A pesquisa no RD utiliza os recursos de busca da maioria das bases de dados. No entanto algumas dicas podem auxiliar para obter um resultado mais pertinente.

É possível efetuar a busca de um autor ou um termo em todo o RD, por meio do Buscar no Repositório , isto é, o termo solicitado será localizado em qualquer campo do RD. No entanto esse tipo de pesquisa não é recomendada a não ser que se deseje um resultado amplo e generalizado.

A pesquisa apresentará melhor resultado selecionando um dos filtros disponíveis em Navegar

Os filtros disponíveis em Navegar tais como: Coleções, Ano de publicação, Títulos, Assuntos, Autores, Revista, Tipo de publicação são autoexplicativos. O filtro, Autores IPEN apresenta uma relação com os autores vinculados ao IPEN; o ID Autor IPEN diz respeito ao número único de identificação de cada autor constante no RD e sob o qual estão agrupados todos os seus trabalhos independente das variáveis do seu nome; Tipo de acesso diz respeito à acessibilidade do documento, isto é , sujeito as leis de direitos autorais, ID RT apresenta a relação dos relatórios técnicos, restritos para consulta das comunidades indicadas.

A opção Busca avançada utiliza os conectores da lógica boleana, é o melhor recurso para combinar chaves de busca e obter documentos relevantes à sua pesquisa, utilize os filtros apresentados na caixa de seleção para refinar o resultado de busca. Pode-se adicionar vários filtros a uma mesma busca.

Exemplo:

Buscar os artigos apresentados em um evento internacional de 2015, sobre loss of coolant, do autor Maprelian.

Autor: Maprelian

Título: loss of coolant

Tipo de publicação: Texto completo de evento

Ano de publicação: 2015

Para indexação dos documentos é utilizado o Thesaurus do INIS, especializado na área nuclear e utilizado em todos os países membros da International Atomic Energy Agency – IAEA , por esse motivo, utilize os termos de busca de assunto em inglês; isto não exclui a busca livre por palavras, apenas o resultado pode não ser tão relevante ou pertinente.

95% do RD apresenta o texto completo do documento com livre acesso, para aqueles que apresentam o significa que e o documento está sujeito as leis de direitos autorais, solicita-se nesses casos contatar a Biblioteca do IPEN, bibl@ipen.br .

Ao efetuar a busca por um autor o RD apresentará uma relação de todos os trabalhos depositados no RD. No lado direito da tela são apresentados os coautores com o número de trabalhos produzidos em conjunto bem como os assuntos abordados e os respectivos anos de publicação agrupados.

O RD disponibiliza um quadro estatístico de produtividade, onde é possível visualizar o número dos trabalhos agrupados por tipo de coleção, a medida que estão sendo depositados no RD.

Na página inicial nas referências são sinalizados todos os autores IPEN, ao clicar nesse símbolo será aberta uma nova página correspondente à aquele autor – trata-se da página do pesquisador.

Na página do pesquisador, é possível verificar, as variações do nome, a relação de todos os trabalhos com texto completo bem como um quadro resumo numérico; há links para o Currículo Lattes e o Google Acadêmico ( quando esse for informado).

ATENÇÃO!

ESTE TEXTO "AJUDA" ESTÁ SUJEITO A ATUALIZAÇÕES CONSTANTES, A MEDIDA QUE NOVAS FUNCIONALIDADES E RECURSOS DE BUSCA FOREM SENDO DESENVOLVIDOS PELAS EQUIPES DA BIBLIOTECA E DA INFORMÁTICA.

O gerenciamento do Repositório está a cargo da Biblioteca do IPEN. Constam neste RI, até o presente momento 20.950 itens que tanto podem ser artigos de periódicos ou de eventos nacionais e internacionais, dissertações e teses, livros, capítulo de livros e relatórios técnicos. Para participar do RI-IPEN é necessário que pelo menos um dos autores tenha vínculo acadêmico ou funcional com o Instituto. Nesta primeira etapa de funcionamento do RI, a coleta das publicações é realizada periodicamente pela equipe da Biblioteca do IPEN, extraindo os dados das bases internacionais tais como a Web of Science, Scopus, INIS, SciElo além de verificar o Currículo Lattes. O RI-IPEN apresenta também um aspecto inovador no seu funcionamento. Por meio de metadados específicos ele está vinculado ao sistema de gerenciamento das atividades do Plano Diretor anual do IPEN (SIGEPI). Com o objetivo de fornecer dados numéricos para a elaboração dos indicadores da Produção Cientifica Institucional, disponibiliza uma tabela estatística registrando em tempo real a inserção de novos itens. Foi criado um metadado que contém um número único para cada integrante da comunidade científica do IPEN. Esse metadado se transformou em um filtro que ao ser acionado apresenta todos os trabalhos de um determinado autor independente das variáveis na forma de citação do seu nome.

A elaboração do projeto do RI do IPEN foi iniciado em novembro de 2013, colocado em operação interna em julho de 2014 e disponibilizado na Internet em junho de 2015. Utiliza o software livre Dspace, desenvolvido pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT). Para descrição dos metadados adota o padrão Dublin Core. É compatível com o Protocolo de Arquivos Abertos (OAI) permitindo interoperabilidade com repositórios de âmbito nacional e internacional.

1. Portaria IPEN-CNEN/SP nº 387, que estabeleceu os princípios que nortearam a criação do RDI, clique aqui.


2. A experiência do Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN-CNEN/SP) na criação de um Repositório Digital Institucional – RDI, clique aqui.

O Repositório Digital do IPEN é um equipamento institucional de acesso aberto, criado com o objetivo de reunir, preservar, disponibilizar e conferir maior visibilidade à Produção Científica publicada pelo Instituto, desde sua criação em 1956.

Operando, inicialmente como uma base de dados referencial o Repositório foi disponibilizado na atual plataforma, em junho de 2015. No Repositório está disponível o acesso ao conteúdo digital de artigos de periódicos, eventos, nacionais e internacionais, livros, capítulos, dissertações, teses e relatórios técnicos.

A elaboração do projeto do RI do IPEN foi iniciado em novembro de 2013, colocado em operação interna em julho de 2014 e disponibilizado na Internet em junho de 2015. Utiliza o software livre Dspace, desenvolvido pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT). Para descrição dos metadados adota o padrão Dublin Core. É compatível com o Protocolo de Arquivos Abertos (OAI) permitindo interoperabilidade com repositórios de âmbito nacional e internacional.

O gerenciamento do Repositório está a cargo da Biblioteca do IPEN. Constam neste RI, até o presente momento 20.950 itens que tanto podem ser artigos de periódicos ou de eventos nacionais e internacionais, dissertações e teses, livros, capítulo de livros e relatórios técnicos. Para participar do RI-IPEN é necessário que pelo menos um dos autores tenha vínculo acadêmico ou funcional com o Instituto. Nesta primeira etapa de funcionamento do RI, a coleta das publicações é realizada periodicamente pela equipe da Biblioteca do IPEN, extraindo os dados das bases internacionais tais como a Web of Science, Scopus, INIS, SciElo além de verificar o Currículo Lattes. O RI-IPEN apresenta também um aspecto inovador no seu funcionamento. Por meio de metadados específicos ele está vinculado ao sistema de gerenciamento das atividades do Plano Diretor anual do IPEN (SIGEPI). Com o objetivo de fornecer dados numéricos para a elaboração dos indicadores da Produção Cientifica Institucional, disponibiliza uma tabela estatística registrando em tempo real a inserção de novos itens. Foi criado um metadado que contém um número único para cada integrante da comunidade científica do IPEN. Esse metadado se transformou em um filtro que ao ser acionado apresenta todos os trabalhos de um determinado autor independente das variáveis na forma de citação do seu nome.