Navegação por assunto "radiation metrology"

Classificar por: Ordenar: Resultados:

  • IPEN-DOC 26416

    LITVAC, DANIEL . Desenvolvimento de um kit postal dosimétrico para calibração de aplicadores clínicos de betaterapia no Brasil / Development of a dosimetric postal kit for calibration of clinical beta therapy applicators in Brazil . 2019. Dissertação (Mestrado em Tecnologia Nuclear) - Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares - IPEN-CNEN/SP, São Paulo. 93 p. Orientador: Linda Viola Ehlin Caldas. DOI: 10.11606/D.85.2019.tde-21112019-165533

    Abstract: O sistema de saúde no Brasil, como um todo, possui déficits em mão de obra e em infraestrutura. A betaterapia é uma das alternativas que o Sistema Único de Saúde e serviços particulares implantam para suprir a demanda. Aplicadores clínicos de 90Sr/90Y são utilizados para tratamentos dermatológicos e oftálmicos, substituindo o uso de aceleradores lineares, porque são de custo mais baixo, mais práticos e possuem 28,8 anos de meia-vida. A calibração e a recalibração periódica destes aplicadores, para verificação da taxa de dose absorvida, são essenciais para garantir a segurança nos tratamentos clínicos. Trabalhos de pesquisas mostram discrepâncias entre a calibração do fabricante e a realizada em laboratórios, podendo ter consequências danosas para os pacientes. Além disso, são poucos os laboratórios de calibração do tipo padrão primário para fontes de radiação beta no mundo. Na América Latina não existem laboratórios de calibração com este perfil. Foi desenvolvido neste trabalho um kit postal dosimétrico que permitiu a recalibração dos aplicadores clínicos utilizados em hospitais, de maneira prática, rápida e com instruções, por meio de seu envio aos proprietários, e depois retornando ao IPEN para posterior avaliação. Para isto, alguns materiais dosimétricos foram caracterizados em feixes padronizados de radiação beta, utilizando as técnicas de termoluminescência e luminescência opticamente estimulada para comparação de resultados da resposta quanto à reprodutibilidade, linearidade, curva dose-resposta e dependência angular, definindo as condições mais adequadas e o grupo de dosímetros para calibração dos aplicadores clínicos.

    Palavras-Chave: radiotherapy; dosimetry; beta decay; radiation doses; dose-response relationships; quality control; quality assurance; testing; clinical trials; performance; uses; tissue distribution; skin; eyes; radiation metrology; calibration; brazil

  • IPEN-DOC 23343

    SANTOS, LUCAS R. dos . Desenvolvimento de um protocolo de calibração utilizando espectrometria e simulação matemática, em feixes padrões de raios x / Development of a calibration protocol using spectrometry and mathematical simulation, in x ray standard beams . 2017. Tese (Doutorado em Tecnologia Nuclear) - Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares - IPEN-CNEN/SP, São Paulo. 113 p. Orientador: Maria da Penha Albuquerque Potiens. DOI: 10.11606/T.85.2017.tde-11082017-090607

    Abstract: A calibração, por definição, é o processo pelo qual se estabelece uma relação entre valores de medição de um padrão, com as suas respectivas incertezas, e as indicações com as incertezas associadas do instrumento de medição a ser calibrado. Um protocolo de calibração descreve a metodologia a ser aplicada em um processo de calibração. O método escolhido para a obtenção deste protocolo foi o da espectrometria de feixe de raios X associada à simulação pelo método de Monte Carlo, fundamentado no fato de que ambos são considerados métodos absolutos na determinação de parâmetros de feixes de radiação. Neste trabalho foi utilizado o método de Monte Carlo utilizado para obter a função resposta do detector utilizada para a correção dos espectros obtidos do feixe primário de radiação X; deste modo foram calculadas as taxas de kerma destes feixes e comparadas aos valores obtidos com as câmaras de ionização padrão secundário do Laboratório de Calibração de Instrumentos do IPEN (LCI/IPEN). Foram obtidos os coeficientes de calibração para o sistema padrão com diferenças em relação ao fornecido pelo laboratório primário entre 1,3% e 15,3%. Os resultados obtidos indicaram a viabilidade do estabelecimento deste protocolo de calibração utilizando a espectrometria como padrão de referência, com incertezas relativas de 0,62% para k=1. As incertezas associadas ao método proposto foram satisfatórias, para um laboratório padrão secundário e comparáveis a um laboratório primário.

    Palavras-Chave: inspection; calibration; calibration standards; interlaboratory comparisons; measuring instruments; data covariances; radiation metrology; radiation doses; radiation dose rate ranges; kerma; semiconductor detectors; ionization chambers; x-ray spectrometers; x radiation; beam monitors; response functions; computer calculations; computer codes; monte carlo method; comparative evaluations

  • IPEN-DOC 25226

    ALVARENGA, TALLYSON S. . Estabelecimento e caracterização de um laboratório de calibração com campos neutrônicos de referência com rastreabilidade ao sistema metrológico internacional / Establishment and characterization of a calibration laboratory with reference neutron beams and traceability to the international metrology system . 2018. Tese (Doutorado em Tecnologia Nuclear) - Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares - IPEN-CNEN/SP, São Paulo. 171 p. Orientador: Linda Viola Ehlin Caldas. DOI: 10.11606/T.85.2018.tde-11092018-144644

    Abstract: No Brasil, atualmente só há um laboratório de calibração de monitores de radiação de nêutrons, sendo responsável pela guarda e manutenção do padrão brasileiro da fluência de nêutrons, localizado no Laboratório Nacional de Metrologia das Radiações Ionizantes (LNMRI), Rio de Janeiro, no Instituto de Radioproteção e Dosimetria, Comissão Nacional de Energia Nuclear, Rio de Janeiro, com uma demanda grande de serviços com esse tipo de radiação. Com o intuito de descentralizar a oferta de serviços de calibração, surgiu a necessidade da montagem de um segundo Laboratório de Calibração com Nêutrons (LCN), no IPEN. Nas situações práticas envolvendo a calibração de monitores de radiação de nêutrons, um dos problemas principais está relacionado à radiação espalhada, que pode variar dependendo das dimensões do laboratório usado nos procedimentos de calibração. No processo de caracterização do campo de radiação de nêutrons da fonte de 241AmBe, onde foi realizada a avaliação dos espectros, das energias, das taxas de fluência, das taxas de equivalente de dose ambiente [H*(10)] e do coeficiente de conversão de fluência em dose [h*φ(10)] em diferentes posições do LCN, utilizando o feixe completo. A influência da radiação espalhada foi determinada por meio de três técnicas: Métodos de Monte Carlo, de Ajuste Reduzido e do Cone de Sombra. Dos resultados obtidos por meio de simulação e experimentalmente foi possível obter a fração de espalhamento em diferentes distâncias fonte-detector.

    Palavras-Chave: calibration; monitoring; radiation metrology; radiation monitoring; neutron beams; neutron guides; accuracy; tracer techniques; international organizations; calibration standards

  • IPEN-DOC 26747

    SILVA, E. ; SANTOS, L.R. ; ASSEMANY, L.P.F. ; POTIENS, M.P.A. . Evaluation of the behavior of a 180cc ionization chamber under different environmental conditions. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE METROLOGIA, 10.; CONGRESSO INTERNACIONAL DE METROLOGIA ELÉTRICA, 13.; CONGRESSO INTERNACIONAL DE METROLOGIA MECÂNICA, 5.; CONGRESSO BRASILEIRO DE METROLOGIA DAS RADIAÇÕES IONIZANTES, 6.; WORKSHOP DA REDE DE METROLOGIA QUÍMICA DO INMETRO, 4.; CONGRESSO BRASILEIRO DE METROLOGIA ÓPTICA, 3., 24-27 de novembro, 2019, Florianópolis, SC. Anais... Rio de Janeiro, RJ: Sociedade Brasileira de Metrologia, 2019.

    Abstract: The use of ionizing radiation for medical purposes has been a major advance for society due to the numerous possibilities of use for the treatment and diagnosis of diseases. On the other hand, knowledge about the damage caused by the biological effects of ionizing radiation requires continuous improvement of diagnostic radiology quality control. Radiation detector equipment is used to measure radiation levels emitted from natural or artificial sources. For convenience and accuracy, among the most widely used detectors are ionization chambers. Especially outdoors, weather factors can affect the behavior of these detectors at the time of measurement, but Brazilian law recommends only calibrating these measuring instruments in a traceable laboratory every two years to ensure their reliability. The objective of this work was to evaluate the performance of an ionization chamber used in radioprotection measurements in diagnostic radiology equipment, considering climatic variations in different regions of Brazil. For this, a system was developed to simulate the environmental conditions found for the temperature and humidity parameters at the moment of the clinical measurements, allowing to estimate the influence of these factors on the obtained values.

    Palavras-Chave: ionization chambers; nuclear medicine; performance testing; quality control; radiation metrology; radiation protection; radiology

  • IPEN-DOC 24709

    BARROS, SUELEN F.; VANIN, VITO R.; MAIDANA, NORA L.; MARTINS, MARCOS N.; GARCIA-ALVAREZ, JUAN A.; SANTOS, OSVALDO C.B.; RODRIGUES, CLEBER L.; KOSKINAS, MARINA F. ; FERNANDEZ-VAREA, JOSE M.. Ionization cross sections of the Au L subshells by electron impact from the L3 threshold to 100 keV. Journal of Physics B: Atomic, Molecular and Optical Physics, v. 51, n. 2, p. 1-11, 2018. DOI: 10.1088/1361-6455/aa98d3

    Abstract: We measured the cross sections for Au Lα, Lβ, Lγ, Lℓ and Lη x-ray production by the impact of electrons with energies from the L3 threshold to 100 keV using a thin Au film whose mass thickness was determined by Rutherford Backscattering Spectrometry. The x-ray spectra were acquired with a Si drift detector, which allowed to separate the components of the Lγ multiplet lines. The measured Lα, Lβ, ${\rm{L}}{\gamma }_{1}$, L${\gamma }_{\mathrm{2,3,6}}$, ${\rm{L}}{\gamma }_{\mathrm{4,4}^{\prime} }$, ${\rm{L}}{\gamma }_{5}$, ${\rm{L}}{\ell }$ and Lη x-ray production cross sections were then employed to derive Au L1, L2 and L3 subshell ionization cross sections with relative uncertainties of 8%, 7% and 7%, respectively; these figures include the uncertainties in the atomic relaxation parameters. The correction for the increase in electron path length inside the Au film was estimated by means of Monte Carlo simulations. The experimental ionization cross sections are about 10% above the state-of-the-art distorted-wave calculations.

    Palavras-Chave: inner-shell ionization; l shell; radiation metrology; electrons; x-ray spectra; silicon; dwba; radiation detectors; drift chambers

  • IPEN-DOC 27527

    DE LUCCA, LUIZA V.G. ; ROSTELATO, MARIA E.C.M. . Metodologia de calibração e seleção de dosímetros TLD - 100. In: PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA; SEMINÁRIO ANUAL PIBIC, 26.; SEMINÁRIO ANUAL PROBIC, 17.; SEMINÁRIO ANUAL PIBITI, 10., 16-17 de dezembro, 2020, Online. Resumo expandido... São Paulo, SP: IPEN-CNEN/SP, 2020. p. 79-80.

    Palavras-Chave: radiotherapy; dosimetry; radiation metrology; calibration

  • IPEN-DOC 23952

    OLIVEIRA, A.E.; IWAHARA, A.; SILVA, C.J.; CRUZ, P.A.L.; POLEDNA, R.; SILVA, R.L.; LARANJEIRA, A.S.; DELGADO, J.U.; TAUHATA, L.; LOUREIRO, J.S.; TOLEDO, B.C.; BRAGHIROLLI, A.M.S.; ANDRADE, E.A.L.; SILVA, J.L.; HERNANDES, H.O.K.; VALENTE, E.S.; DALLE, H.M.; ALMEIDA, V.M.; SILVA, T.G.; FRAGOSO, M.C.F.; OLIVEIRA, M.L.; NASCIMENTO, E.S.S.; OLIVEIRA, E.M. ; HERRERIAS, R. ; SOUZA, A.A. ; BAMBALAS, E. ; BRUZINGA, W.A. . Traceability from governamental producers of radiopharmaceuticals in measuring 18F in Brazil. Applied Radiation and Isotopes, v. 109, p. 236-241, 2016. DOI: 10.1016/j.apradiso.2015.11.051

    Abstract: Since the inception of its proficiency test program to evaluate radionuclide measurement in hospitals and clinics, the National Metrology Laboratory of Ionizing Radiation-LNMRI, that represents Brazilian National Metrology Institute (NMI) for ionizing radiation has expanded its measurement and calibration capability. Requirements from the National Health Surveillance Agency from Ministry of Health (ANVISA), to producers of radiopharmaceuticals provided an opportunity to improve the full traceability chain to the highest level. Fluorodeoxyglucose (FDG-18F) is the only radiopharmaceutical simultaneously produced by all Brazilian radiopharmaceutical production centers (RPCs). By running this proficiency test, LNMRI began to provide them with the required traceability. For evaluation, the ratio of RPC to reference value results and ISO/IEC17043:2010 criteria were used. The reference value established as calibration factor on the secondary standard ionization chamber was obtained from three absolute measurements systems, and routinely confirmed in each round of proficiency test by CIEMAT/NIST liquid scintillation counting. The γ-emitting impurities were checked using a High-Purity Germanium (HPGe) detector. The results show that Brazilian RPCs are in accordance with (accuracy within 710%) the Brazilian standard for evaluation of measurements with radionuclide calibrators (CNEN NN 3.05., 2013). Nevertheless, the RPCs should improve the methodology of uncertainty estimates, essential when using the statistical criteria of ISO/IEC 17043 standard, in addition to improving accuracy to levels consistent with their position in the national traceability chain

    Palavras-Chave: activity meters; calibration; comparative evaluations; international electrotechnical commission; iso; nuclear medicine; radiation metrology; radiopharmaceuticals; recommendations; security; brazil

A pesquisa no RD utiliza os recursos de busca da maioria das bases de dados. No entanto algumas dicas podem auxiliar para obter um resultado mais pertinente.

É possível efetuar a busca de um autor ou um termo em todo o RD, por meio do Buscar no Repositório , isto é, o termo solicitado será localizado em qualquer campo do RD. No entanto esse tipo de pesquisa não é recomendada a não ser que se deseje um resultado amplo e generalizado.

A pesquisa apresentará melhor resultado selecionando um dos filtros disponíveis em Navegar

Os filtros disponíveis em Navegar tais como: Coleções, Ano de publicação, Títulos, Assuntos, Autores, Revista, Tipo de publicação são autoexplicativos. O filtro, Autores IPEN apresenta uma relação com os autores vinculados ao IPEN; o ID Autor IPEN diz respeito ao número único de identificação de cada autor constante no RD e sob o qual estão agrupados todos os seus trabalhos independente das variáveis do seu nome; Tipo de acesso diz respeito à acessibilidade do documento, isto é , sujeito as leis de direitos autorais, ID RT apresenta a relação dos relatórios técnicos, restritos para consulta das comunidades indicadas.

A opção Busca avançada utiliza os conectores da lógica boleana, é o melhor recurso para combinar chaves de busca e obter documentos relevantes à sua pesquisa, utilize os filtros apresentados na caixa de seleção para refinar o resultado de busca. Pode-se adicionar vários filtros a uma mesma busca.

Exemplo:

Buscar os artigos apresentados em um evento internacional de 2015, sobre loss of coolant, do autor Maprelian.

Autor: Maprelian

Título: loss of coolant

Tipo de publicação: Texto completo de evento

Ano de publicação: 2015

Para indexação dos documentos é utilizado o Thesaurus do INIS, especializado na área nuclear e utilizado em todos os países membros da International Atomic Energy Agency – IAEA , por esse motivo, utilize os termos de busca de assunto em inglês; isto não exclui a busca livre por palavras, apenas o resultado pode não ser tão relevante ou pertinente.

95% do RD apresenta o texto completo do documento com livre acesso, para aqueles que apresentam o significa que e o documento está sujeito as leis de direitos autorais, solicita-se nesses casos contatar a Biblioteca do IPEN, bibl@ipen.br .

Ao efetuar a busca por um autor o RD apresentará uma relação de todos os trabalhos depositados no RD. No lado direito da tela são apresentados os coautores com o número de trabalhos produzidos em conjunto bem como os assuntos abordados e os respectivos anos de publicação agrupados.

O RD disponibiliza um quadro estatístico de produtividade, onde é possível visualizar o número dos trabalhos agrupados por tipo de coleção, a medida que estão sendo depositados no RD.

Na página inicial nas referências são sinalizados todos os autores IPEN, ao clicar nesse símbolo será aberta uma nova página correspondente à aquele autor – trata-se da página do pesquisador.

Na página do pesquisador, é possível verificar, as variações do nome, a relação de todos os trabalhos com texto completo bem como um quadro resumo numérico; há links para o Currículo Lattes e o Google Acadêmico ( quando esse for informado).

ATENÇÃO!

ESTE TEXTO "AJUDA" ESTÁ SUJEITO A ATUALIZAÇÕES CONSTANTES, A MEDIDA QUE NOVAS FUNCIONALIDADES E RECURSOS DE BUSCA FOREM SENDO DESENVOLVIDOS PELAS EQUIPES DA BIBLIOTECA E DA INFORMÁTICA.

O gerenciamento do Repositório está a cargo da Biblioteca do IPEN. Constam neste RI, até o presente momento 20.950 itens que tanto podem ser artigos de periódicos ou de eventos nacionais e internacionais, dissertações e teses, livros, capítulo de livros e relatórios técnicos. Para participar do RI-IPEN é necessário que pelo menos um dos autores tenha vínculo acadêmico ou funcional com o Instituto. Nesta primeira etapa de funcionamento do RI, a coleta das publicações é realizada periodicamente pela equipe da Biblioteca do IPEN, extraindo os dados das bases internacionais tais como a Web of Science, Scopus, INIS, SciElo além de verificar o Currículo Lattes. O RI-IPEN apresenta também um aspecto inovador no seu funcionamento. Por meio de metadados específicos ele está vinculado ao sistema de gerenciamento das atividades do Plano Diretor anual do IPEN (SIGEPI). Com o objetivo de fornecer dados numéricos para a elaboração dos indicadores da Produção Cientifica Institucional, disponibiliza uma tabela estatística registrando em tempo real a inserção de novos itens. Foi criado um metadado que contém um número único para cada integrante da comunidade científica do IPEN. Esse metadado se transformou em um filtro que ao ser acionado apresenta todos os trabalhos de um determinado autor independente das variáveis na forma de citação do seu nome.

A elaboração do projeto do RI do IPEN foi iniciado em novembro de 2013, colocado em operação interna em julho de 2014 e disponibilizado na Internet em junho de 2015. Utiliza o software livre Dspace, desenvolvido pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT). Para descrição dos metadados adota o padrão Dublin Core. É compatível com o Protocolo de Arquivos Abertos (OAI) permitindo interoperabilidade com repositórios de âmbito nacional e internacional.

1. Portaria IPEN-CNEN/SP nº 387, que estabeleceu os princípios que nortearam a criação do RDI, clique aqui.


2. A experiência do Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN-CNEN/SP) na criação de um Repositório Digital Institucional – RDI, clique aqui.

O Repositório Digital do IPEN é um equipamento institucional de acesso aberto, criado com o objetivo de reunir, preservar, disponibilizar e conferir maior visibilidade à Produção Científica publicada pelo Instituto, desde sua criação em 1956.

Operando, inicialmente como uma base de dados referencial o Repositório foi disponibilizado na atual plataforma, em junho de 2015. No Repositório está disponível o acesso ao conteúdo digital de artigos de periódicos, eventos, nacionais e internacionais, livros, capítulos, dissertações, teses e relatórios técnicos.

A elaboração do projeto do RI do IPEN foi iniciado em novembro de 2013, colocado em operação interna em julho de 2014 e disponibilizado na Internet em junho de 2015. Utiliza o software livre Dspace, desenvolvido pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT). Para descrição dos metadados adota o padrão Dublin Core. É compatível com o Protocolo de Arquivos Abertos (OAI) permitindo interoperabilidade com repositórios de âmbito nacional e internacional.

O gerenciamento do Repositório está a cargo da Biblioteca do IPEN. Constam neste RI, até o presente momento 20.950 itens que tanto podem ser artigos de periódicos ou de eventos nacionais e internacionais, dissertações e teses, livros, capítulo de livros e relatórios técnicos. Para participar do RI-IPEN é necessário que pelo menos um dos autores tenha vínculo acadêmico ou funcional com o Instituto. Nesta primeira etapa de funcionamento do RI, a coleta das publicações é realizada periodicamente pela equipe da Biblioteca do IPEN, extraindo os dados das bases internacionais tais como a Web of Science, Scopus, INIS, SciElo além de verificar o Currículo Lattes. O RI-IPEN apresenta também um aspecto inovador no seu funcionamento. Por meio de metadados específicos ele está vinculado ao sistema de gerenciamento das atividades do Plano Diretor anual do IPEN (SIGEPI). Com o objetivo de fornecer dados numéricos para a elaboração dos indicadores da Produção Cientifica Institucional, disponibiliza uma tabela estatística registrando em tempo real a inserção de novos itens. Foi criado um metadado que contém um número único para cada integrante da comunidade científica do IPEN. Esse metadado se transformou em um filtro que ao ser acionado apresenta todos os trabalhos de um determinado autor independente das variáveis na forma de citação do seu nome.