Navegação por assunto "oligosaccharides"

Classificar por: Ordenar: Resultados:

  • IPEN-DOC 23168

    GALANTE, RAQUEL; REDIGUIERI, CAROLINA F.; KIKUCHI, IRENE S.; VASQUEZ, PABLO A.S. ; COLACO, ROGERIO; SERRO, ANA P.; PINTO, TEREZINHA J.A.. About the sterilization of chitosan hydrogel nanoparticles. Plos One, v. 11, n. 12, 2016. DOI: 10.1371/journal.pone.0168862

    Abstract: In the last years, nanostructured biomaterials have raised a great interest as platforms for delivery of drugs, genes, imaging agents and for tissue engineering applications. In particular, hydrogel nanoparticles (HNP) associate the distinctive features of hydrogels (high water uptake capacity, biocompatibility) with the advantages of being possible to tailor its physicochemical properties at nano-scale to increase solubility, immunocompatibility and cellular uptake. In order to be safe, HNP for biomedical applications, such as injectable or ophthalmic formulations, must be sterile. Literature is very scarce with respect to sterilization effects on nanostructured systems, and even more in what concerns HNP. This work aims to evaluate the effect and effectiveness of different sterilization methods on chitosan (CS) hydrogel nanoparticles. In addition to conventional methods (steam autoclave and gamma irradiation), a recent ozone-based method of sterilization was also tested. A model chitosan-tripolyphosphate (TPP) hydrogel nanoparticles (CS-HNP), with a broad spectrum of possible applications was produced and sterilized in the absence and in the presence of protective sugars (glucose and mannitol). Properties like size, zeta potential, absorbance, morphology, chemical structure and cytotoxicity were evaluated. It was found that the CS-HNP degrade by autoclaving and that sugars have no protective effect. Concerning gamma irradiation, the formation of agglomerates was observed, compromising the suspension stability. However, the nanoparticles resistance increases considerably in the presence of the sugars. Ozone sterilization did not lead to significant physical adverse effects, however, slight toxicity signs were observed, contrarily to gamma irradiation where no detectable changes on cells were found. Ozonation in the presence of sugars avoided cytotoxicity. Nevertheless, some chemical alterations were observed in the nanoparticles.

    Palavras-Chave: sterilization; oligosaccharides; hydrogels; nanoparticles; drug delivery; biological materials

  • IPEN-DOC 19030

    CAPONE, MARCOS V.N. . Caracterização da estrutura oligossacarídica de prolactina glicosilada humana (G-hPRL) nativa e recombinante / Characterization of the oligosaccharide structure of human glycosylated prolactin (G-hPRL) native and recombinant . 2013. Dissertação (Mestrado) - Instituto de Pesquisas Energeticas e Nucleares - IPEN-CNEN/SP, São Paulo. 81 p. Orientador: Carlos Roberto Jorge Soares. DOI: 10.11606/D.85.2013.tde-04072013-161538

    Abstract: A prolactina humana (hPRL) é um hormônio polipeptídico secretado pela hipófise anterior sob regulação do hipotálamo, envolvido em uma variedade de processos biológicos como o desenvolvimento da glândula mamária e lactação. O produto recombinante é importante no diagnóstico médico e no tratamento de insuficiência da lactação. Este hormônio pode ocorrer sob a forma de proteína não glicosilada (NG-hPRL) e glicosilada (G-hPRL), com pesos moleculares de aproximadamente 23 e 25 kilodalton (kDa), respectivamente; possui um único sítio de N-glicosilação localizado na asparagina (Asn) posição 31, que é parcialmente ocupado, representando assim um modelo particularmente interessante de glicosilação. A atividade biológica da G-hPRL é muito menor comparada à NG-hPRL (~4 vezes) e sua função fisiológica ainda não é bem definida: a porção de carboidrato parece ter um importante papel na biossíntese, secreção, atividade biológica, e sobrevivência plasmática do hormônio. O objetivo principal desse trabalho foi comparar as estruturas dos N-glicanos presentes na prolactina glicosilada hipofisária (G-hPRL-NHPP) com a recombinante. Para obter a G-hPRL recombinante foi realizada uma produção em escala laboratorial a partir de células de ovário de hamster chinês (CHO) geneticamente modificadas e adaptadas ao crescimento em suspensão. Foi adicionada, ao meio de cultura cicloheximida (CHX), cujo efeito principal foi aumentar a relação G-hPRL/NGhPRL que passou de 5% para 38%, facilitando assim a purificação da G-hPRL. A G-hPRL foi purificada em duas etapas, uma troca catiônica seguida de purificação por cromatografia liquida de alta eficiência de fase reversa (RP-HPLC) que se demonstrou eficiente na separação das duas isoformas de hPRL. A G-hPRL recombinante IPEN foi assim analisada por diversas técnicas confirmando a sua pureza e atividade biológica, incluindo comparações com outras amostras de referências de origem hipofisária adquirida junto ao National Hormone & Peptide Program (NHPP-E.U.A.) . Foi realizada também a determinação inédita de Nglicanos presentes na G-hPRL produzida por células CHO e na G-hPRL nativa, produzida pela hipófise humana, possibilitando comparar as duas estruturas de carboidratos e alcançando assim uma das principais metas desse projeto. Entre as principais diferenças encontradas nas estruturas dos dois N-glicanos, destacam-se a baixa quantidade de ácido siálico (NeuAc), a alta porcentagem de glicanos sulfatos (74,0%) e com fucose (Fuc) (93,3%) presentes na amostra hipofisária e a tendência da preparação recombinante de apresentar glicanos com maior peso molecular e com uma menor variação nas isoformas.

    Palavras-Chave: lth; hormones; mammary glands; lactation; recombinant dna; oligosaccharides; pituitary hormones; cho cells; high-performance liquid chromatography

  • IPEN-DOC 11433

    OLIVEIRA, J.E. ; LOUREIRO, R.F.; CARVALHO, C.M.; DAMIANI, R.; BARTOLINI, P. ; RIBELA, M.T.C.P. . Comparative studies of pituitary (NIDDK, USA) and recombinant (Thyrogen and IPEN) human thyroid stimulating hormone (hTSH) for what concerns cabohydrate structures and charge heterogeneity. In: REUNIAO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE BIOQUIMICA E BIOLOGIA MOLECULAR, 35., 1-4 de julho, 2006, Aguas de Lindoia, SP. Resumos... 2006.

    Palavras-Chave: pituitary hormones; tsh; trh; cho cells; recombination; carbohydrates; oligosaccharides

  • IPEN-DOC 19791

    CAPONE, M.V.N.; SUZUKI, M.F. ; OLIVEIRA, J.E. ; BATOLINI, P.; SOARES, C.R.J. . A comparison between the oligosaccharide structures of native and recombinant glycosylated human prolactin obtained from CHO cells. In: PROTEIN EXPRESSION IN ANIMAL CELLS CONFERENCE, 11th, September 22-26, 2013, Kananaskis, Alberta, Canada. Abstract... 2013. p. 161.

    Palavras-Chave: lth; hormones; mammary glands; lactation; oligosaccharides; pituitary hormones; cho cells; high-performance liquid chromatography

  • IPEN-DOC 26865

    BEZAMAT, JULIANA M.; YOKAICHIYA, FABIANO ; FRANCO, MARGARETH K.K.D. ; CASTRO, SIMONE R.; PAULA, ENEIDA de; CABEÇA, LUIS F.. Complexation of the local anesthetic pramoxine with hydroxypropyl-beta-cyclodextrin can improve its bioavailability. Journal of Drug Delivery Science and Technology, v. 55, p. 1-8, 2020. DOI: 10.1016/j.jddst.2019.101475

    Abstract: Local anesthetics are widely used in clinical procedures, to eliminate pain during/after invasive procedures. A wide range of drug delivery systems has been developed to improve the effect of local anesthetics and/or to reduce their toxicity. Pramoxine (PMX) is a topical anesthetic agent with an unusual (morpholine ring) structure and low solubility (ca. 3 mM at pH 7.4). In this work, a novel formulation was devised for PMX in hydroxypropyl- β-cyclodextrin (HP-β-CD). Host-guest inclusion complex was prepared by the co-solubilization method, with complexation kinetics of 10 h, and 1:1 PMX/HP-β-CD stoichiometry. Complexation promoted 14-fold increase in the solubility of PMX. X-ray diffraction measurements revealed loss of the crystalline PMX pattern in the presence of HP-β-CD, an indication of inclusion complexation. Using 1H NMR (DOSY) experiments the association constant of PMX to HP-β-CD (Ka = 923.1 mol/L) was determined, while nuclear Overhauser (ROESY) analysis confirmed the formation of PMX/HP-β-CD inclusion complex, by detection of spatial proximities between hydrogens from PMX aromatic ring and cyclodextrin's cavity. In two in vitro toxicity models (mouse 3T3 fibroblasts in culture and red blood cells hemolysis) pramoxine toxicity was significantly reduced upon complexation into HP-β-CD. These results point out PMX/HP-β-CD as a promising pharmaceutical formulation to improve the bioavailability of pramoxine, allowing its application beyond topical anesthesia.

    Palavras-Chave: anesthesia; oligosaccharides; complexes; anesthetics; clathrates; nuclear magnetic resonance; stoichiometry; antimitotic drugs; hemolysis; chemical composition

  • IPEN-DOC 23368

    VARCA, GUSTAVO H.C. . Desenvolvimento de hidrogel nanoestruturado contendo complexo de papaína e ciclodextrina / Development of a nanostructured hydrogel containing papain and cyclodextrin complex . 2014. Tese (Doutorado em Tecnologia Nuclear) - Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares - IPEN-CNEN/SP, São Paulo. 154 p. Orientador: Ademar Benévolo Lugão. DOI: 10.11606/T.85.2017.tde-30062017-114133

    Abstract: A papaína é uma enzima proteolítica empregada no debridamento e cicatrização de feridas. Contudo, problemas de estabilidade na forma farmacêutica, bem como reações alérgicas reportadas por pacientes submetidos à tratamentos com a enzima, culminaram na restrição aos produtos contendo papaína para uso tópico por órgãos regulatórios internacionais. Este trabalho objetivou desenvolver hidrogel nanoestruturado contendo complexo de papaína e ciclodextrina visando obter forma farmacêutica estável e eficaz como curativo dérmico, com redução da resposta imunológica. A síntese do hidrogel foi realizada combinando fenômenos de cristalização e/ou reticulação e esterilização simultânea induzida por radiação gama, de modo a promover nanoestruturação adequada da membrana para veiculação da papaína nativa e do complexo. O complexo e o produto final tiveram suas propriedades biológicas e físico-químicas avaliadas. O hidrogel a base de PVA contendo complexo de papaína-ciclodextrina apresentou características adequadas para aplicação como curativo, além de apresentar indícios de redução na resposta imunológica e melhora na citocompatibilidade quando comparado à papaína nativa, isso devido ao encapsulamento molecular com a ciclodextrina e à alta retenção do complexo por parte da matriz. Por outro lado, a irradiação, não alterou o perfil citotóxico da enzima, mas acarretou leve diminuição em seu potencial imunogênico. O hidrogel se mostrou promissor para uso como curativo e demonstrou potencial redução nas reações adversas desencadeadas pelo uso da papaína.

    Palavras-Chave: antimitotic drugs; enzymes; papain; nanomaterials; sh-proteinases; hydrolases; oligosaccharides; saccharides; synthetic materials; polymers; polyvinyls; potting materials; gamma radiation; in vitro; immunity; immunoassay; physical chemistry; synthesis; process development units

  • IPEN-DOC 27687

    LIMA, CAROLINE S.A. de; VARCA, GUSTAVO H.C. ; COSTA, SIRLENE M. da; FERRAZ, HUMBERTO G.; SANTOS, ANA C. da S.; LOPES, PATRICIA S.; COSTA, SILGIA A. da. Development of natural polymeric microcapsules for antimicrobial drug delivery: triclosan loaded chitosan and alginate-based microcapsules. Drug Development and Industrial Pharmacy, v. 46, n. 9, p. 1477-1486, 2020. DOI: 10.1080/03639045.2020.1809445

    Abstract: The goal of this work was the development of natural polymeric microcapsules for antimicrobial drug delivery – triclosan loaded alginate and chitosan-based microcapsules for potential coating applications in substrates such as textiles or plastics. Microcapsules containing 2.5% (w/w) or 3% (w/w) triclosan in both core and matrix were synthesized and evaluated by Fourier-transform infrared spectroscopy, scanning electron microscopy, confocal microscopy, differential scanning calorimetry, thermogravimetry, and antimicrobial activity. The microcapsules produced featured spherical and mostly irregularly-shaped surfaces composed by an alginate core in a chitosan outer matrix, as revealed by confocal microscopy, and antimicrobial activity against S. aureus and E. coli with inhibition halos up to 60 mm and 25 mm respectively, granted by a triclosan loading of 61.66%. The thermal analysis suggested that the polymers protected the active substance from temperature-induced degradation. In conclusion, these microcapsules may be applied toward antimicrobial functionalization of plastics, textiles and other materials.

    Palavras-Chave: polysaccharides; oligosaccharides; antimicrobial agents; drugs; antiseptics; sodium; alginates; polymers

  • IPEN-DOC 26522

    COCATO, MARIA L. ; LOBO, ALEXANDRE R.; AZEVEDO-MARTINS, ANNA K.; MANCINI FILHO, JORGE; SA, LILIAN R.M. de; COLLI, CELIA. Effects of a moderate iron overload and its interaction with yacon flour, and/or phytate, in the diet on liver antioxidant enzymes and hepatocyte apoptosis in rats. Food Chemistry, v. 285, p. 171-179, 2019. DOI: 10.1016/j.foodchem.2019.01.142

    Abstract: The effect of moderate Fe overload in the diet and its interaction with phytate, and/or yacon flour (YF), recognized as an inhibitor, and facilitator, of Fe absorption, respectively, was evaluated in healthy rats. For this purpose the following parameters were analyzed: (1) apparent iron (Fe), copper (Cu) and zinc (Zn) absorption; (2) blood Fe; (3) blood lipids (cholesterol, tryacylglicerol); (4) blood AST and ALT; (5) liver histology (histopathology, hemosiderin depots, apoptosis index; (6) liver fatty acid incorporation; (7) liver antioxidant enzyme activity. Moderate Fe overload may cause change in some liver markers (hemosiderin depots, apoptosis index and GPx) and blood lipids (total cholesterol and VLDL) and the interaction with yacon flour, and phytate, in the Fe overloaded diets may exert a protective effect on these alterations.

    Palavras-Chave: iron compounds; iron sulfates; phytic acid; roots; oligosaccharides; plants; solanum tuberosum; liver; blood cells; blood; chemical analysis; blood serum; nutrition; lipoproteins; absorption; antioxidants; enzymes; copper; zinc

  • IPEN-DOC 24221

    PRETO, MAYRA F.; CAMPANA-FILHO, SERGIO P.; FIAMINGO, ANDERSON; COSENTINO, IVANA C. ; TESSARI-ZAMPIERI, MARIA C. ; ABESSA, DENIS M.S.; ROMERO, AGATA F.; BORDON, ISABELLA C.. Gladius and its derivatives as potential biosorbents for marine diesel oil. Environmental Science and Pollution Research, v. 24, n. 29, p. 22932-22939, 2017. DOI: 10.1007/s11356-017-9945-x

    Abstract: The demand for low cost and effective materials to remove contaminants such as residues of oil spills has encouraged studies on new biosorbents produced from wastes. Considering the overgeneration of fishing residues and the necessity to provide an alternative purpose for such materials, this study aimed to evaluate squid gladius and its derivatives (β-chitin and chitosan) as sorbents to remove marine diesel oil (MDO) from fresh and artificial seawater. It was also executed an attempted to improve their performances through a highintensity ultrasound treatment (UT-gladius and UT-β-chitin). All sorbents removed MDO at both salinities. Contact surface area, salinity, and water retention seemed to play a key role in the outcomes. UT-β-chitin’s performance was significantly superior to β-chitin’s and chitosan’s in MDO removal at salinity 0, as well as at salinity 30, where gladius and UT-gladius also excelled. Ultrasound treatment improved the oil removal performance of UT-β-chitin by increasing its contact surface area. This is the first report on the efficiency of gladius and UT-β-chitin for such purpose, and brought up huge possibilities and new questions that can lead to the achievement of biosorbents of great efficiency.

    Palavras-Chave: absorbents; diesel fuels; scanning electron microscopy; oligosaccharides; statistical data; removal

  • IPEN-DOC 19818

    OLIVEIRA, MARIA J.A.; SILVA, ESTEFANIA O.; BRAZ, LUCIA M.A.; MAIA, REGINA; AMATO, VALDIR S.; LUGAO, ADEMAR B.; PARRA, DUCLERC F. . Influence of chitosan/clay in drug delivery of glucantime from PVP membranes. Radiation Physics and Chemistry, v. 94, p. 194-198, 2014.

    Palavras-Chave: amino acids; hydrogels; interactions; ions; membranes; nanostructures; oligosaccharides; pvp; scanning electron microscopy; swelling

  • IPEN-DOC 19035

    VIOLIN, KALAN B.; GOIA, TAMIYE S.; BRESSIANI, JOSE C. ; BRESSIANI, ANA H. de A. . Lectinhistochemistry evaluation of bone after implantation with macroporous samples. Advances in Science and Technology, v. 77, p. 190-195, 2013.

    Palavras-Chave: biological materials; titanium alloys; bone tissues; implants; oligosaccharides; porous materials; histological techniques; lectins

  • IPEN-DOC 26876

    CORAZZA, FULVIO G.; ERNESTO, JULIA V.; NAMBU, FELIPE A.N.; CARVALHO, LUMA R. de ; LEITE-SILVA, VANIA R.; VARCA, GUSTAVO H.C. ; CALIXTO, LEANDRO A.; VIEIRA, DANIEL P. ; ANDREO-FILHO, NEWTON; LOPES, PATRICIA S.. Papain-cyclodextrin complexes as an intestinal permeation enhancer: permeability and in vitro safety evaluation. Journal of Drug Delivery Science and Technology, v. 55, p. 1-11, 2020. DOI: 10.1016/j.jddst.2019.101413

    Abstract: Oral drug delivery is the main route for drugs administration. However, some drugs have poor permeability across the intestinal barrier. Papain has been widely used in pharmaceutical applications due to its debridement properties and the ability to promote skin permeation of drugs. It is known that papain complexation with cyclodextrins improves its biological stability. In this paper, the ability of the native papain-cyclodextrin complexes is shown be an oral permeation enhancer to furosemide, using a Caco-2 monolayer system to evaluate drug permeability and apparent permeability coefficient. Analysis of the in vitro cytotoxicity over CHO–K1, Hep G2 and Caco-2 cell lines and genotoxicity over CHO–K1 and Hep G2 cell lines were also performed. Papaincyclodextrins complexes did not show any cytotoxicity above 31 μg/mL. No significant genotoxic damage was observed. Papain and cyclodextrin complexes induced almost 2.5-fold increase in furosemide permeation compared to controls, and maintenance of the paracellular integrity of the Caco-2 cells monolayer was confirmed. The papain complexes may be safely applied in pharmaceutical formulations, not only as a therapeutic agent but also as a strategic pharmaceutical adjuvant, promoting permeation of low oral permeability drugs.

    Palavras-Chave: papain; chelating agents; oligosaccharides; drugs; antimitotic drugs; enzymes; enzyme activity; membrane transport

  • IPEN-DOC 12270

    FELINTO, MARIA C.F.C. ; PARRA, DUCLERC F. ; GUEDES e SILVA, CECILIA C. ; ANGERAMI, J.; OLIVEIRA, M.J.A.; LUGAO, ADEMAR B. . The swelling behavior of chitosan hydrogels membranes obtained by UV- and gamma-radiation. Nuclear Instruments and Methods in Physics Research, v. 265, n. 1, Section B, p. 418-424, 2007.

    Palavras-Chave: absorption spectroscopy; amino acids; biotechnology; curing; gamma radiation; hydrogels; infrared spectra; irradiation; membranes; oligosaccharides; ph value; polyethylene glycols; scanning electron microscopy; swelling; temperature range 0273-0400 k; thermal analysis; ultraviolet radiation

A pesquisa no RD utiliza os recursos de busca da maioria das bases de dados. No entanto algumas dicas podem auxiliar para obter um resultado mais pertinente.

É possível efetuar a busca de um autor ou um termo em todo o RD, por meio do Buscar no Repositório , isto é, o termo solicitado será localizado em qualquer campo do RD. No entanto esse tipo de pesquisa não é recomendada a não ser que se deseje um resultado amplo e generalizado.

A pesquisa apresentará melhor resultado selecionando um dos filtros disponíveis em Navegar

Os filtros disponíveis em Navegar tais como: Coleções, Ano de publicação, Títulos, Assuntos, Autores, Revista, Tipo de publicação são autoexplicativos. O filtro, Autores IPEN apresenta uma relação com os autores vinculados ao IPEN; o ID Autor IPEN diz respeito ao número único de identificação de cada autor constante no RD e sob o qual estão agrupados todos os seus trabalhos independente das variáveis do seu nome; Tipo de acesso diz respeito à acessibilidade do documento, isto é , sujeito as leis de direitos autorais, ID RT apresenta a relação dos relatórios técnicos, restritos para consulta das comunidades indicadas.

A opção Busca avançada utiliza os conectores da lógica boleana, é o melhor recurso para combinar chaves de busca e obter documentos relevantes à sua pesquisa, utilize os filtros apresentados na caixa de seleção para refinar o resultado de busca. Pode-se adicionar vários filtros a uma mesma busca.

Exemplo:

Buscar os artigos apresentados em um evento internacional de 2015, sobre loss of coolant, do autor Maprelian.

Autor: Maprelian

Título: loss of coolant

Tipo de publicação: Texto completo de evento

Ano de publicação: 2015

Para indexação dos documentos é utilizado o Thesaurus do INIS, especializado na área nuclear e utilizado em todos os países membros da International Atomic Energy Agency – IAEA , por esse motivo, utilize os termos de busca de assunto em inglês; isto não exclui a busca livre por palavras, apenas o resultado pode não ser tão relevante ou pertinente.

95% do RD apresenta o texto completo do documento com livre acesso, para aqueles que apresentam o significa que e o documento está sujeito as leis de direitos autorais, solicita-se nesses casos contatar a Biblioteca do IPEN, bibl@ipen.br .

Ao efetuar a busca por um autor o RD apresentará uma relação de todos os trabalhos depositados no RD. No lado direito da tela são apresentados os coautores com o número de trabalhos produzidos em conjunto bem como os assuntos abordados e os respectivos anos de publicação agrupados.

O RD disponibiliza um quadro estatístico de produtividade, onde é possível visualizar o número dos trabalhos agrupados por tipo de coleção, a medida que estão sendo depositados no RD.

Na página inicial nas referências são sinalizados todos os autores IPEN, ao clicar nesse símbolo será aberta uma nova página correspondente à aquele autor – trata-se da página do pesquisador.

Na página do pesquisador, é possível verificar, as variações do nome, a relação de todos os trabalhos com texto completo bem como um quadro resumo numérico; há links para o Currículo Lattes e o Google Acadêmico ( quando esse for informado).

ATENÇÃO!

ESTE TEXTO "AJUDA" ESTÁ SUJEITO A ATUALIZAÇÕES CONSTANTES, A MEDIDA QUE NOVAS FUNCIONALIDADES E RECURSOS DE BUSCA FOREM SENDO DESENVOLVIDOS PELAS EQUIPES DA BIBLIOTECA E DA INFORMÁTICA.

O gerenciamento do Repositório está a cargo da Biblioteca do IPEN. Constam neste RI, até o presente momento 20.950 itens que tanto podem ser artigos de periódicos ou de eventos nacionais e internacionais, dissertações e teses, livros, capítulo de livros e relatórios técnicos. Para participar do RI-IPEN é necessário que pelo menos um dos autores tenha vínculo acadêmico ou funcional com o Instituto. Nesta primeira etapa de funcionamento do RI, a coleta das publicações é realizada periodicamente pela equipe da Biblioteca do IPEN, extraindo os dados das bases internacionais tais como a Web of Science, Scopus, INIS, SciElo além de verificar o Currículo Lattes. O RI-IPEN apresenta também um aspecto inovador no seu funcionamento. Por meio de metadados específicos ele está vinculado ao sistema de gerenciamento das atividades do Plano Diretor anual do IPEN (SIGEPI). Com o objetivo de fornecer dados numéricos para a elaboração dos indicadores da Produção Cientifica Institucional, disponibiliza uma tabela estatística registrando em tempo real a inserção de novos itens. Foi criado um metadado que contém um número único para cada integrante da comunidade científica do IPEN. Esse metadado se transformou em um filtro que ao ser acionado apresenta todos os trabalhos de um determinado autor independente das variáveis na forma de citação do seu nome.

A elaboração do projeto do RI do IPEN foi iniciado em novembro de 2013, colocado em operação interna em julho de 2014 e disponibilizado na Internet em junho de 2015. Utiliza o software livre Dspace, desenvolvido pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT). Para descrição dos metadados adota o padrão Dublin Core. É compatível com o Protocolo de Arquivos Abertos (OAI) permitindo interoperabilidade com repositórios de âmbito nacional e internacional.

1. Portaria IPEN-CNEN/SP nº 387, que estabeleceu os princípios que nortearam a criação do RDI, clique aqui.


2. A experiência do Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN-CNEN/SP) na criação de um Repositório Digital Institucional – RDI, clique aqui.

O Repositório Digital do IPEN é um equipamento institucional de acesso aberto, criado com o objetivo de reunir, preservar, disponibilizar e conferir maior visibilidade à Produção Científica publicada pelo Instituto, desde sua criação em 1956.

Operando, inicialmente como uma base de dados referencial o Repositório foi disponibilizado na atual plataforma, em junho de 2015. No Repositório está disponível o acesso ao conteúdo digital de artigos de periódicos, eventos, nacionais e internacionais, livros, capítulos, dissertações, teses e relatórios técnicos.

A elaboração do projeto do RI do IPEN foi iniciado em novembro de 2013, colocado em operação interna em julho de 2014 e disponibilizado na Internet em junho de 2015. Utiliza o software livre Dspace, desenvolvido pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT). Para descrição dos metadados adota o padrão Dublin Core. É compatível com o Protocolo de Arquivos Abertos (OAI) permitindo interoperabilidade com repositórios de âmbito nacional e internacional.

O gerenciamento do Repositório está a cargo da Biblioteca do IPEN. Constam neste RI, até o presente momento 20.950 itens que tanto podem ser artigos de periódicos ou de eventos nacionais e internacionais, dissertações e teses, livros, capítulo de livros e relatórios técnicos. Para participar do RI-IPEN é necessário que pelo menos um dos autores tenha vínculo acadêmico ou funcional com o Instituto. Nesta primeira etapa de funcionamento do RI, a coleta das publicações é realizada periodicamente pela equipe da Biblioteca do IPEN, extraindo os dados das bases internacionais tais como a Web of Science, Scopus, INIS, SciElo além de verificar o Currículo Lattes. O RI-IPEN apresenta também um aspecto inovador no seu funcionamento. Por meio de metadados específicos ele está vinculado ao sistema de gerenciamento das atividades do Plano Diretor anual do IPEN (SIGEPI). Com o objetivo de fornecer dados numéricos para a elaboração dos indicadores da Produção Cientifica Institucional, disponibiliza uma tabela estatística registrando em tempo real a inserção de novos itens. Foi criado um metadado que contém um número único para cada integrante da comunidade científica do IPEN. Esse metadado se transformou em um filtro que ao ser acionado apresenta todos os trabalhos de um determinado autor independente das variáveis na forma de citação do seu nome.