Navegação por assunto "excretion"

Classificar por: Ordenar: Resultados:

  • IPEN-DOC 27352

    FERREIRA, ARYEL H. . Avaliação de nanopartículas proteicas radiomarcadas dirigidas a tecidos tumorais como agentes diagnósticos / Evaluation of radiolabeled protein-based nanoparticles to target tumor tissue as a potential diagnosis agent . 2020. Tese (Doutorado em Tecnologia Nuclear) - Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares - IPEN-CNEN/SP, São Paulo, SP. 6 p. Orientador: Ademar Benévolo Lugão. DOI: 10.11606/T.85.2020.tde-24092020-145109

    Observação: Há arquivos retidos devido a solicitação (publicação de dados, patentes ou diretos autorais). Data de Liberação: 15/05/2022.

    Abstract: Recentes avanços em nanomedicina e nanotecnologia têm expandido o desenvolvimento de nanoestruturas multifuncionais que combinem especificidade e funções terapêuticas e de diagnóstico em complexos nanoestruturados, a fim de superar barreiras biológicas que podem dificultar a administração e a captação seletiva e eficaz de medicamentos e agentes diagnósticos em tecidos tumorais. Nanopartículas vêm sendo utilizadas em Medicina Nuclear como carreadores de radionuclídeos emissores de radiação gama (γ) ou pósitron (+1β) para imagens diagnósticas por PET, SPECT e emissores de partículas α e -1β utilizados em endorradioterapia para destruir especificamente o tecido tumoral. O objetivo deste trabalho concentrou-se no estudo da marcação com Tecnécio-99m de nanopartículas de papaína e albumina, sintetizadas por reticulação induzida por radiação, e na caracterização de seus comportamentos in vitro e in vivo, de modo a desenvolver novos nanorradiofármacos e avaliar seu potencial para realização de diagnóstico de tumores mamários utilizando a técnica de medicina nuclear SPECT. Técnicas de microscopia eletrônica e espalhamento de luz evidenciaram formação de nanopartículas esféricas com dispersão de tamanho de 9,3 ± 1,9 nm para as nanopartículas de papaína e 25,1 ± 2,9 nm para as nanopartículas de albumina. Um elevado rendimento radioquímico (>90%) e estabilidade frente aos agentes transquelantes presentes no soro foram observados para ambas as nanopartículas até pelo menos 6h. A biodistribuição em animais saudáveis demonstrou diferentes perfis de excreção, sendo a 99mTc-P-NPs excretada principalmente pelo rim, enquanto a 99mTc-BSA-NPs é excretada principalmente por via hepática. Nos estudos in vitro, as nanopartículas mostraram-se promissoras com 74% e 57,6% da captação total em células MDA-MB231, respectivamente para 99mTc-P-NPs e 99mTc-BSA-NPs. Nos estudos in vivo verificou-se acentuada captação tumoral com boa visualização em imagens adquiridas em micro-SPECT/CT. Deste modo, as nanopartículas proteicas utilizadas no corrente trabalho mostraram-se promissoras para serem utilizadas como sistema de veiculação de radionuclídeos diagnósticos para estudos de sua distribuição sistêmica, bem como de sua aplicação como traçador SPECT em tumores mamários.

    Palavras-Chave: neoplasms; tumor cells; blood cells; gamma radiation; technetium 99 target; product labeling; microstructure; nanotechnology; proteins; carriers; albumins; blood serum; enzymes; papain; excretion; physiology; biological effects; in vivo; in vitro; positron computed tomography; single photon emission computed tomography; biological localization; diagnosis; radiotherapy

  • IPEN-DOC 09455

    MALAGRINO, WALDIR . Bioacumulacao e eliminacao de mercurio (sup(203)Hg) no mexilhao (Perna perna, Linne, 1758) .Modelo cinetico para avaliar o risco de ingestao no homem. 2003. Tese (Doutoramento) - Instituto de Pesquisas Energeticas e Nucleares - IPEN/CNEN-SP, Sao Paulo. 85 p. Orientador: Carlos Henrique de Mesquita.

    Palavras-Chave: mercury; mussels; uptake; excretion; mercury 203; radionuclide kinetics; mathematical models; pollution; biological pathways; concentration ratio

  • IPEN-DOC 16058

    OLIVEIRA, LAURA C.; ZAMBONI, CIBELE B. ; PESSOA, EDSON A.; BORGES, FERNANDA T.. Characterization of ions in urine of animal model with acute renal insufficiency using NAA. In: REUNIAO DE TRABALHO SOBRE FISICA NUCLEAR NO BRASIL, 33., 7-11 de setembro, 2010, Campos do Jordao, SP. Resumos... 2010. p. 47-48.

    Palavras-Chave: animal cells; animals; diuretics; excretion; ions; kidneys; neutron activation analysis; renography; urinary tract; urine

  • IPEN-DOC 18879

    OLIVEIRA, LAURA C.; ZAMBONI, CIBELE B. ; PESSOAL, EDSON A.; BORGES, FERNANDA T.. Characterization of ions in urine of animal models with acute renal failure using NAA. In: VANIN, VITO R. (Ed.) BRAZILIAN WORKSHOP ON NUCLEAR PHYSICS, 33rd, September 7-11, 2010, Campos do Jordão, SP. Proceedings... American Institute of Physics, 2010. p. 353-356.

    Palavras-Chave: animal cells; animals; diuretics; excretion; ions; kidneys; neutron activation analysis; renography; urinary tract; urine

  • IPEN-DOC 13234

    ARAUJO, E.B. de ; MURAMOTO, E.; NAGAMATI, L.T.; CALDEIRA FILHO, J.S. ; COUTO, R.M.; SILVA, C.P.G. . Comparison of sup(131)I-TYRsup(3)-octreotate and sup(131)I-DOTA-TYRsup(3)Octreotate: the egffect of DOTA on pharmacokinetics and stability. In: INTERNATIONAL SYMPOSIUM TRENDS IN RADIOPHARMACEUTICALS, 14-18 November, 2005, Vienna. Proceedings... Vienna: International Atomic Energy Agency, 2007, 2005. p. 243-251.

    Palavras-Chave: chloramines; excretion; in vitro; in vivo; iodine 131; labelled compounds; liver; peptides; radiochemistry; radionuclide kinetics; radiopharmaceuticals; stability

  • IPEN-DOC 15003

    LIMA, MARINA F. ; PUJATTI, PRISCILLA B.; ARAUJO, ELAINE B. ; MESQUITA, CARLOS H. . Compartmental analysis to predict biodistribution in radiopharmaceutical design studies. In: INTERNATIONAL NUCLEAR ATLANTIC CONFERENCE; MEETING ON NUCLEAR APPLICATIONS, 9th; MEETING ON REACTOR PHYSICS AND THERMAL HYDRAULICS, 16th; MEETING ON NUCLEAR INDUSTRY, 1st, September 27 - October 2, 2009, Rio de Janeiro, RJ. Proceedings... Sao Paulo: ABEN, 2009, 2009.

    Palavras-Chave: a codes; dosimetry; excretion; experimental data; lutetium 177; mice; radionuclide kinetics; radiopharmaceuticals; uptake; whole-body counting

  • IPEN-DOC 18972

    BASSO, LUANA S.; GATTI, LUCIANA V. ; MARTINEWSKI, ALEXANDRE; DOMINGUES, LUCAS G.; CORREIA, CAIO S.C.; BORGES, VIVIANE F.; GLOOR, EMANUEL U.. Contribuição da Pecuária no Fluxo de CH4 na Bacia Amazônica no Ano de 2010. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE METEOROLOGIA, 17., 23-28 de setembro, 2012, Gramado, RS. Anais... 2012.

    Palavras-Chave: brazil; amazon river; pastures; methane; animal breeding; excretion; biological wastes; fermentation; atmospheric chemistry; aircraft; chemical analysis

  • IEA-PUB-188

    NICOLAU, W. ; MURAMOTO, E.; ASSIS, L.M. ; PIERONI, R.R. ; CINTRA, A.B.U.. Determinacao dos valores de excrecao urinaria em VMA em individuos normais e em portadores de doenca hipertensiva arterial essencial. Estudo comparativo com niveis obtidos em pacientes com neoplasias do tecido cromafinico. 1969. p.

    Palavras-Chave: autonomic nervous system; excretion; hypertension; urine

  • IEA-PUB-168

    MASPES, V.; GNECCO, O.; NOGUEIRA, D.M.; JAMRA, M.A.; LEAL, A.. Estudo comparativo das formas de vitamina Bsub(12) (ciano e hidroxicobalamina) em relacao aos niveis plasmaticos e ao ritmo de excrecao. 1967. p.

    Palavras-Chave: blood plasma; excretion; vitamin b-12

  • IEA-PUB-195

    NICOLAU, W. ; MURAMOTO, E.; ASSIS, L.M. ; PIERONI, R.R. ; CINTRA, A.B.U.. Estudo da excrecao urinaria em VMA em individuos normais e em pacientes portadores da doenca hipertensiva arterial essencial, submetidos a um estimulo hipoglicemiante. 1969. p.

    Palavras-Chave: autonomic nervous system; excretion; hypertension; insulin; stimulation; urine

  • IEA-PUB-266

    MAKSOUD, J.G.; THOM, A.F.; KIEFFER, J. ; CARVALHO PINTO, V.A.. Fecal excretion of Rose Bengal Isup(131) in the diagnosis of obstructive jaundice in infancy with special reference to biliary atresia. 1971. p.

    Palavras-Chave: diagnosis; excretion; iodine 131; jaundice; rose bengal; tracer techniques

  • IPEN-DOC 11722

    GABURO, J.C. ; TODO, A.S. ; TADDEI, M.H.T.; SILVA, N.C.. Implementation of alpha-spectrometry for uranium isotopes in excreta samples. Journal of Radioanalytical and Nuclear Chemistry, v. 269, n. 2, p. p. 499-503, 2006.

    Palavras-Chave: alpha spectroscopy; chemical composition; excretion; intake; radioactivity; radiochemical analysis; tracer techniques; uranium isotopes; urine

  • IPEN-DOC 27509

    SALGADO, ANDREIA R. . Influência do azul da Prússia alemão e brasileiro no desenvolvimento "in vitro" de embriões murinos irradiados com cobalto 60 (Co60) : uma abordagem reprodutiva e genética / Influence of Brazilian and German Prussian blue on "in vitro" development of murine embryos irradiated with cobalt 60 (60Co): a reproductive and genetic approach . 2020. Tese (Doutorado em Tecnologia Nuclear) - Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares - IPEN-CNEN/SP, São Paulo. 141 p. Orientador: Patrick Jack Spencer. DOI: 10.11606/T.85.2020.tde-05112020-155619

    Abstract: No mundo moderno é crescente o uso da radiação, o que aumenta as chances de acidentes. O azul da Prússia (AzP) é um composto químico com ação medicamentosa empregado em contaminações com Tálio, Césio e Rubídio. Com baixa toxicidade, este composto funciona como uma resina de troca iônica, reduzindo a concentração da molécula radioativa que passa a ser excretada mais eficientemente pela urina e pelas fezes. Sua administração em até 10 minutos após a contaminação reduz a sua absorção em até 40%. O Laboratório Farmacêutico da Marinha do Brasil desenvolveu um azul da Prússia nacional, possibilitando a ampliação da pesquisa e uso em nosso país de tecnologias nucleares, uma vez que aumenta significativamente a competência na proteção com o uso deste tipo de energia. Enquanto o azul da Prússia de origem alemã pôde ser empregado em acidentes como o de Goiânia e o de Chernobyl, o medicamento nacional ainda carece de alguns estudos para uso endógeno com segurança. Além disso, tanto o produto alemão quanto o brasileiro foram pouco investigados do ponto de vista da reprodução em seus diferentes vieses. A avaliação da interferência do azul da Prússia na reprodução, considerando-se o desenvolvimento embrionário e a sua capacidade de proteger embriões expostos à radiação é inédita. Também é bastante escassa a literatura que trata da investigação deste fármaco quanto aos aspectos reprodutivos, quer seja do ponto de vista de sua toxicidade para os estágios iniciais do desenvolvimento embrionário (fase de pré-implantação), quer seja nos casos de prenhes, situação em que muito pouco se conhece sobre a influência do azul da Prússia. O estudo visou avaliar a influência do AzP em diferentes etapas da reprodução em camundongos, comparando o produto alemão com o nacional. Os ensaios in vitro, com embriões indicaram que os compostos têm baixa toxicidade. De forma inesperada, o composto, desenhado para tratar contaminação interna, demonstrou ação também contra radiação de fonte externa, protegendo contra raios gama de 60Co. Embriões tratados com os compostos, irradiados ou não e implantados em fêmeas receptoras, indicaram que o AzP não afetou a viabilidade dos embriões, não impediu a gestação e o parto, não interferiu nos parâmetros zootécnicos tais como, primeiro parto em semanas e tamanho médio da ninhada tampouco apresentou efeito teratogênico. Indicando seu possível uso em gestantes no caso de um acidente nuclear. Este estudo contribuirá para que o produto desenvolvido com tecnologia brasileira possa ser comparado com o composto em uso em todo o mundo, posicionando o Brasil como líder na produção deste composto na América Latina.

    Palavras-Chave: ferrocyanides; iron complexes; contamination; thallium; cesium; rubidium; radionuclide kinetics; excretion; toxicity; low level counting; ion exchange materials; resins; concentration ratio; mice; in vitro; ontogenesis; radiation source implants; reproduction; radiation accidents; dose equivalents; radiation injuries; gamma radiation; cobalt 60; radiation protection

  • IPEN-DOC 23935

    SEO, DANIELE ; FAINTUCH, BLUMA L. ; OLIVEIRA, ERICA A. de; FAINTUCH, JOEL. Pancreas and liver uptake of new radiolabeled incretins (GLP-1 and Exendin-4) in models of diet-induced and diet-restricted obesity. Nuclear Medicine and Biology, v. 49, p. 57-64, 2017. DOI: 10.1016/j.nucmedbio.2017.03.002

    Abstract: Introduction: Radiolabeled GLP-1 and its analog Exendin-4, have been employed in diabetes and insulinoma. No protocol in conventional Diet-Induced Obesity (DIO), and Diet-Restricted Obesity (DRO), has been identified. Aiming to assess pancreatic beta cell uptake in DIO and DRO, a protocol was designed. Methods: GLP-1-βAla-HYNIC and HYNIC-βAla-Exendin-4 were labeled with technetium-99m. Four Swiss mouse models were adopted: Controls (C), Alloxan Diabetes Controls (ADC), DIO and DRO. Biodistribution and ex-vivo planar imaging were documented. Results: Radiolabeling yield was in the range of 97% and both agents were hydrophilic. Fasting Blood Glucose (FBG) was 79.2 ± 8.2 mg/dl in C, 590.4 ± 23.3 mg/dl in ADC, 234.3 ± 66.7 mg/dl in DIO, and 96.6 ± 9.3 in DRO (p = 0.010). Biodistribution confirmed predominantly urinary excretion. DIO mice exhibited depressed uptake in liver and pancreas, for both radiomarkers, in the range of ADC. DRO only partially restored such values. 99mTc-HYNIC-βAla-Exendin-4 demonstrated better results than GLP-1-βAla-HYNIC-99mTc. Conclusions: 1) Diet-induced obesity remarkably depressed beta cell uptake; 2) Restriction of obesity failed to normalize uptake, despite robust improvement of FBG; 3) HYNIC-βAla-Exendin-4 was the most useful marker; 4) Further studies are recommended in obesity and dieting, including bariatric surgery.

    Palavras-Chave: alloxan; biomedical radiography; blood; design; diet; excretion; glucose; ice; labelling; liver; metabolic diseases; mice; pancreas; surgery; technetium; technetium 99; uptake; yields

  • IEA-PUB-298

    KIEFFER, J. ; MEDEIROS NETO, G.A.; RUEDA, R.; PIERONI, R.R. ; COELHO NETO, A.S.; LOPEZ CAMPUSANO, L.; CINTRA, A.B.U.. Perchlorate test in hyperthyroid patients treated with radioactive iodine. 1973. p.

    Palavras-Chave: biological radiation effects; chlorates; excretion; hyperthyroidism; iodine 131; patients; radionuclide administration; radiotherapy; retention; side effects; thyroid; time dependence

  • IPEN-DOC 06005

    LOUVANDINI, HELDER . Perda endogena de fosforo em ovinos suplementados com diferentes niveis do elemento na dieta. 1995. Tese (Doutoramento) - Instituto de Pesquisas Energeticas e Nucleares - IPEN/CNEN-SP, Sao Paulo. 87 p. Orientador: Dorinha Miriam Silber Schimidt Vitti.

    Palavras-Chave: phosphorus 32; sheep; intestinal absorption; diet; biological materials; ruminants; intake; excretion; domestic animals; metabolism; nutritional deficiency

  • IPEN-DOC 13040

    FAINTUCH, BLUMA L. ; TEODORO, RODRIGO; DUATTI, ADRIANO; MURAMOTO, EMIKO; FAINTUCH, SALOMAO; SMITH, CHARLES J.. Radiolabeled bombesin analog for prostate cancer diagnosis: preclinical studies. Nuclear Medicine and Biology, v. 35, p. 401-411, 2008.

    Palavras-Chave: cysteine; diagnosis; excretion; gastrin; kidneys; labelling; mice; neoplasms; pancreas; pertechnetates; prostate; radiochemistry; receptors; stability; technetium 99; tracer techniques; tumor cells; uptake

  • IPEN-DOC 23931

    FAINTUCH, B.L. ; OLIVEIRA, E.A. ; TARGINO, R.C.; MORO, A.M.. Radiolabeled NGR phage display peptide sequence for tumor targeting. Applied Radiation and Isotopes, v. 86, p. 41-45, 2014. DOI: 10.1016/j.apradiso.2013.12.035

    Abstract: The asparagine-glycine-arginine (NGR) peptide sequence found by phage display, was radiolabeled with technetium-99m and tested in different tumor models. Similar uptake occurred with ovarian and lung tumor cells. Biodistribution of the radiotracer revealed predominant renal excretion with more substantial uptake in animals bearing ovarian tumor cells. In contrast imaging studies indicated better visualization for lung tumor. NGR peptide was characterized as a promising diagnostic candidate, particularly for lung cancer. Improvements are envisaged using NGR combined with RGD as a heterodimer molecule.

    Palavras-Chave: amino acid sequence; angiogenesis; arginine; asparagine; bacteriophages; excretion; glycine; kidneys; lungs; neoplasms; peptides; technetium 99; tracer techniques; tumor cells; uptake

  • IPEN-DOC 11749

    DECRISTOFORO, CLEMENS; FAINTUCH, BLUMA L. ; REY, ANA; GUGGENBERG, ELISABETH VON; RUPPRICH, MARCO; HERNANDEZ-GONZALES, IGNACIO; TEODORO, RODRIGO ; HAUBNER, ROLAND. [sup(99m)Tc]HYNIC-RGD for imaging integrin 'alfa'sub(V)'beta'sub(3) expression. Nuclear Medicine and Biology, v. 33, p. p. 945-952, 2006.

    Palavras-Chave: blood; carbon monoxide; excretion; fluorine 18; homogenates; in vitro; in vivo; labelling; liver; lungs; lysine; melanomas; mice; nicotinic acid; organic phosphorus compounds; peptides; positron computed tomography; receptors; retention; single photon emission computed tomography; technetium 99; uptake

  • IPEN-DOC 07735

    RIBELA, M.T.C.P. ; MARONE, M.M.S.; BARTOLINI, P. . Use of radioiodine urinalysis for effective thyroid blocking in the first few hours post exposure. Health Physics, v. 76, n. 1, p. 11-16, 1999.

    Palavras-Chave: iodine 125; uptake; thyroid; qualitative chemical analysis; urine; dogs; excretion

A pesquisa no RD utiliza os recursos de busca da maioria das bases de dados. No entanto algumas dicas podem auxiliar para obter um resultado mais pertinente.

É possível efetuar a busca de um autor ou um termo em todo o RD, por meio do Buscar no Repositório , isto é, o termo solicitado será localizado em qualquer campo do RD. No entanto esse tipo de pesquisa não é recomendada a não ser que se deseje um resultado amplo e generalizado.

A pesquisa apresentará melhor resultado selecionando um dos filtros disponíveis em Navegar

Os filtros disponíveis em Navegar tais como: Coleções, Ano de publicação, Títulos, Assuntos, Autores, Revista, Tipo de publicação são autoexplicativos. O filtro, Autores IPEN apresenta uma relação com os autores vinculados ao IPEN; o ID Autor IPEN diz respeito ao número único de identificação de cada autor constante no RD e sob o qual estão agrupados todos os seus trabalhos independente das variáveis do seu nome; Tipo de acesso diz respeito à acessibilidade do documento, isto é , sujeito as leis de direitos autorais, ID RT apresenta a relação dos relatórios técnicos, restritos para consulta das comunidades indicadas.

A opção Busca avançada utiliza os conectores da lógica boleana, é o melhor recurso para combinar chaves de busca e obter documentos relevantes à sua pesquisa, utilize os filtros apresentados na caixa de seleção para refinar o resultado de busca. Pode-se adicionar vários filtros a uma mesma busca.

Exemplo:

Buscar os artigos apresentados em um evento internacional de 2015, sobre loss of coolant, do autor Maprelian.

Autor: Maprelian

Título: loss of coolant

Tipo de publicação: Texto completo de evento

Ano de publicação: 2015

Para indexação dos documentos é utilizado o Thesaurus do INIS, especializado na área nuclear e utilizado em todos os países membros da International Atomic Energy Agency – IAEA , por esse motivo, utilize os termos de busca de assunto em inglês; isto não exclui a busca livre por palavras, apenas o resultado pode não ser tão relevante ou pertinente.

95% do RD apresenta o texto completo do documento com livre acesso, para aqueles que apresentam o significa que e o documento está sujeito as leis de direitos autorais, solicita-se nesses casos contatar a Biblioteca do IPEN, bibl@ipen.br .

Ao efetuar a busca por um autor o RD apresentará uma relação de todos os trabalhos depositados no RD. No lado direito da tela são apresentados os coautores com o número de trabalhos produzidos em conjunto bem como os assuntos abordados e os respectivos anos de publicação agrupados.

O RD disponibiliza um quadro estatístico de produtividade, onde é possível visualizar o número dos trabalhos agrupados por tipo de coleção, a medida que estão sendo depositados no RD.

Na página inicial nas referências são sinalizados todos os autores IPEN, ao clicar nesse símbolo será aberta uma nova página correspondente à aquele autor – trata-se da página do pesquisador.

Na página do pesquisador, é possível verificar, as variações do nome, a relação de todos os trabalhos com texto completo bem como um quadro resumo numérico; há links para o Currículo Lattes e o Google Acadêmico ( quando esse for informado).

ATENÇÃO!

ESTE TEXTO "AJUDA" ESTÁ SUJEITO A ATUALIZAÇÕES CONSTANTES, A MEDIDA QUE NOVAS FUNCIONALIDADES E RECURSOS DE BUSCA FOREM SENDO DESENVOLVIDOS PELAS EQUIPES DA BIBLIOTECA E DA INFORMÁTICA.

O gerenciamento do Repositório está a cargo da Biblioteca do IPEN. Constam neste RI, até o presente momento 20.950 itens que tanto podem ser artigos de periódicos ou de eventos nacionais e internacionais, dissertações e teses, livros, capítulo de livros e relatórios técnicos. Para participar do RI-IPEN é necessário que pelo menos um dos autores tenha vínculo acadêmico ou funcional com o Instituto. Nesta primeira etapa de funcionamento do RI, a coleta das publicações é realizada periodicamente pela equipe da Biblioteca do IPEN, extraindo os dados das bases internacionais tais como a Web of Science, Scopus, INIS, SciElo além de verificar o Currículo Lattes. O RI-IPEN apresenta também um aspecto inovador no seu funcionamento. Por meio de metadados específicos ele está vinculado ao sistema de gerenciamento das atividades do Plano Diretor anual do IPEN (SIGEPI). Com o objetivo de fornecer dados numéricos para a elaboração dos indicadores da Produção Cientifica Institucional, disponibiliza uma tabela estatística registrando em tempo real a inserção de novos itens. Foi criado um metadado que contém um número único para cada integrante da comunidade científica do IPEN. Esse metadado se transformou em um filtro que ao ser acionado apresenta todos os trabalhos de um determinado autor independente das variáveis na forma de citação do seu nome.

A elaboração do projeto do RI do IPEN foi iniciado em novembro de 2013, colocado em operação interna em julho de 2014 e disponibilizado na Internet em junho de 2015. Utiliza o software livre Dspace, desenvolvido pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT). Para descrição dos metadados adota o padrão Dublin Core. É compatível com o Protocolo de Arquivos Abertos (OAI) permitindo interoperabilidade com repositórios de âmbito nacional e internacional.

1. Portaria IPEN-CNEN/SP nº 387, que estabeleceu os princípios que nortearam a criação do RDI, clique aqui.


2. A experiência do Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN-CNEN/SP) na criação de um Repositório Digital Institucional – RDI, clique aqui.

O Repositório Digital do IPEN é um equipamento institucional de acesso aberto, criado com o objetivo de reunir, preservar, disponibilizar e conferir maior visibilidade à Produção Científica publicada pelo Instituto, desde sua criação em 1956.

Operando, inicialmente como uma base de dados referencial o Repositório foi disponibilizado na atual plataforma, em junho de 2015. No Repositório está disponível o acesso ao conteúdo digital de artigos de periódicos, eventos, nacionais e internacionais, livros, capítulos, dissertações, teses e relatórios técnicos.

A elaboração do projeto do RI do IPEN foi iniciado em novembro de 2013, colocado em operação interna em julho de 2014 e disponibilizado na Internet em junho de 2015. Utiliza o software livre Dspace, desenvolvido pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT). Para descrição dos metadados adota o padrão Dublin Core. É compatível com o Protocolo de Arquivos Abertos (OAI) permitindo interoperabilidade com repositórios de âmbito nacional e internacional.

O gerenciamento do Repositório está a cargo da Biblioteca do IPEN. Constam neste RI, até o presente momento 20.950 itens que tanto podem ser artigos de periódicos ou de eventos nacionais e internacionais, dissertações e teses, livros, capítulo de livros e relatórios técnicos. Para participar do RI-IPEN é necessário que pelo menos um dos autores tenha vínculo acadêmico ou funcional com o Instituto. Nesta primeira etapa de funcionamento do RI, a coleta das publicações é realizada periodicamente pela equipe da Biblioteca do IPEN, extraindo os dados das bases internacionais tais como a Web of Science, Scopus, INIS, SciElo além de verificar o Currículo Lattes. O RI-IPEN apresenta também um aspecto inovador no seu funcionamento. Por meio de metadados específicos ele está vinculado ao sistema de gerenciamento das atividades do Plano Diretor anual do IPEN (SIGEPI). Com o objetivo de fornecer dados numéricos para a elaboração dos indicadores da Produção Cientifica Institucional, disponibiliza uma tabela estatística registrando em tempo real a inserção de novos itens. Foi criado um metadado que contém um número único para cada integrante da comunidade científica do IPEN. Esse metadado se transformou em um filtro que ao ser acionado apresenta todos os trabalhos de um determinado autor independente das variáveis na forma de citação do seu nome.