Navegação por Autores IPEN "UEHARA, VANESSA B."

Classificar por: Ordenar: Resultados:

  • IPEN-DOC 23213

    UEHARA, VANESSA B. ; MASTRO, NELIDA L. del . Characteristics of biodegradable films based on cassava starch and soy isolate protein treated by electron beam radiation. Academia Journal of Agricultural Research, v. 5, n. 4, p. 68-74, 2017. DOI: 10.15413/ajar.2017.0115

    Abstract: Polymers from renewable sources can fulfill in some aspects the needs of consumers without damaging the environment, health and economy. Soy protein concentrate and cassava starch may be considered an alternative to petrochemical polymers. Ionizing radiation processing with gamma rays or electron beam is currently used for the modification of polymers and macromolecules. The widely known ability of proteins and polysaccharides to form films as a starting point for the development of new materials aimed at edible packaging for the food industry was employed. Films based on cassava starch and isolated soy proteins were prepared in two different formulations and electron beam irradiated with 0, 20 and 40 kGy. The tensile strength decreased upon irradiation and yellow color intensified. Regarding thermal properties, no significant differences were observed between irradiated and non-irradiated samples. However, regarding properties such as water vapor permeability and water absorption, the films became less permeable at higher radiation doses. Films with good resistance to water vapor and low water absorption would be considered suitable for food packaging. Radiation seems a convenient tool for the modification of this kind of biopolymeric blends and opens a huge array of possibilities of application.

    Palavras-Chave: electron beams; cassava; starch; irradiation; proteins; soybeans; polymers; ionizing radiations

  • IPEN-DOC 16379

    UEHARA, VANESSA B. . Efeito da radiacao gama em properiedade da farinha de banana verde / Effect of gamma radiation in properties of green banana flour . 2011. Dissertacao (Mestrado) - Instituto de Pesquisas Energeticas e Nucleares - IPEN-CNEN/SP, Sao Paulo. 89 p. Orientador: Nelida Lucia del Mastro. DOI: 10.11606/D.85.2011.tde-01072011-130355

    Abstract: O amido de bananas tem sido pesquisado na área de nutrição a partir da introdução do conceito de Amido Resistente (AR). O amido de Musa AAA-Nanicão e Musa AAB-Terra já foram caracterizados quanto as suas respostas fisiológicas. A banana verde possui boa quantidade de amido resistente. O principal interesse em relação ao amido resistente é o seu papel fisiológico. Por não ser digerido no intestino delgado, este tipo de amido se torna disponível como substrato para fermentação pelas bactérias anaeróbicas do cólon Dessa forma, essa fração compartilha muitas das características e benefícios atribuídos à fibra alimentar no trato gastrintestinal. O processo de irradiação por radiação gama pode causar uma variedade de modificações nas macromoléculas, algumas de aplicação industrial, como é o caso de perda de viscosidade e alteração de textura. No presente trabalho, farinhas de banana verde (FBV) de duas origens, foram utilizadas para estudar a sensibilidade a radiação por meio de medidas de viscosidade, textura, colorimetria e pH. As amostras de farinha de banana verde foram irradiadas com raios gama em doses de 0 a 10 kGy e taxa de dose em torno de 2kGy/h. As soluções de FBV apresentaram-se como fluidos não-newtonianos, A irradiação não alterou significativamente o pH dos hidrogéis das farinhas de banana verde FBV1 e FBV2. A viscosidade, de maneira geral, diminuiu com a dose de radiação aplicada. Quando analisada a textura a força máxima de ruptura dos hidrogéis de FBV1 e FBV2 decresceu conforme aumento da dose de irradiação. Entretanto, em particular quando irradiada a dose de 3 kGy, a FBV2 apresentou força de ruptura aumentada.

    Palavras-Chave: bananas; flour; starch; gamma radiation; radiation effects

  • IPEN-DOC 23136

    UEHARA, VANESSA B. . Efeito da radiação ionizante de feixe de elétrons em propriedades de biopolímeros comestíveis a base de proteína isolada de soja e fécula de mandioca / Effect of ionizing electron beam radiation on properties of edible biopolymers based on isolated soybean protein and cassava starch . 2017. Tese (Doutorado em Tecnologia Nuclear) - Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares - IPEN-CNEN/SP, São Paulo. 85 p. Orientador: Nélida Lúcia Del Mastro. DOI: 10.11606/T.85.2017.tde-24072017-112750

    Abstract: Nas últimas décadas, têm aumentado substancialmente a quantidade de pesquisas focando no desenvolvimento e caracterização de materiais biodegradáveis, particularmente, filmes comestíveis. O uso de polímeros de fontes renováveis, preparados a partir de produtos vegetais, vem ganhando importância nessa abordagem. O concentrado de proteína de soja e amido de mandioca podem ser considerados uma alternativa aos polímeros petroquímicos. O processamento pela radiação ionizante pode ser empregado para a modificação de polímeros e macromoléculas, resultando em novos materiais com grandes perspectivas de utilização industrial. A indústria de alimentos, uma das indústrias tradicionalmente mais inovadoras, exige o desenvolvimento constante de novos produtos. A capacidade de proteínas e polissacarídeos de formar filmes, amplamente conhecida, é um ponto de partida para o desenvolvimento de novos materiais que atendam os variados requerimentos dessa pungente indústria. Neste trabalho elaboraram-se filmes a base de fécula de mandioca e proteína isolada de soja em duas proporções diferentes e posteriormente irradiados e analisados quanto às suas propriedades mecânicas, cor, absorção de água, permeabilidade ao vapor de agua, análise térmica TGA e DSC entre outros. Os filmes tornaram-se aparentemente mais solúveis e menos resistentes a perfuração com o aumento da dose de radiação aplicada. Com relação às propriedades térmicas observou-se que os filmes com maior proporção de proteína são mais resistentes. Os filmes apresentaram-se menos permeáveis na dose de 40 kGy, e, com relação a absorção de água, esta foi reduzida em função da dose de radiação. Filmes com boa resistência ao vapor de água e com reduzida absorção podem ser considerados adequados para embalagens de alimentos. A radiação mostrou ser uma ferramenta conveniente na modificação de materiais poliméricos principalmente para elaboração de filmes solúveis onde esta é uma nova tendência para embalagens bioativas.

    Palavras-Chave: biotechnology; cassava; starch; food industry; packaging; packaging rules; materials working; proteins; polysaccharides; permeability; steam; linear absorption models; ionizing radiations; thermodynamic properties; thermal gravimetric analysis; scanning light microscopy; optical microscopy

  • IPEN-DOC 23826

    TAKINAMI, PATRICIA Y.I. ; UEHARA, VANESSA B. ; TEIXEIRA, BRUNA S. ; DEL MASTRO, NELIDA L. . Radiation, plant proteins and sustainability. American Journal of Biological and Environmental Statistics, v. 2, n. 4, p. 28-33, 2016. DOI: 10.11648/j.ajbes.20160204.11

    Abstract: The best sources of proteins for human nourishment come from animal origin. But, conventional meat production involves not only animal suffering but, also, prodigious amounts of water use and significant global warming gases produced per pound of meat. Sustainable plant proteins are good for human beings, as well as, for the planet. Specific natural resources like pulses, in particular, represent a very environmentally friendly and sustainable food source and are rich of high-quality and cost-effective protein ingredients. Ionizing radiation may contribute to food safety and food security. Also, irradiation could serve as an additional food processing method for inactivation or removal of certain antinutritional factors. In this work, the benefits of plant protein sources, particularly pulse protein foods, are highlighted. Moreover, a survey on database since 1970, about the relation among pulses, plant protein and ionizing radiation has been presented. Highlights: Pulses represent a very environmentally friendly and sustainable food source. Pulses are rich sources of high quality and cost effective protein ingredients. Ionizing radiation may contribute to food safety and food security and it could be applied for inactivation or removal of certain antinutritional factors.

    Palavras-Chave: ionizing radiations; proteins; sustainability; nutrition; radiation doses; plants; food; safety

  • IPEN-DOC 27302

    TAKINAMI, PATRICIA Y.I. ; UEHARA, VANESSA B. ; TEIXEIRA, BRUNA S. ; MASTRO, NELIDA L. del . Radiation, Plant Proteins and Sustainability. In: BADSHAH, MALIK (Ed.). Prime Archives in Biosciences. Hyderabad, India: Vide Leaf, 2020. DOI: 10.37247/PABsc.1.2020.8

    Palavras-Chave: ionizing radiations; proteins; sustainability; nutrition; radiation doses; plants; food; safety

A pesquisa no RD utiliza os recursos de busca da maioria das bases de dados. No entanto algumas dicas podem auxiliar para obter um resultado mais pertinente.

É possível efetuar a busca de um autor ou um termo em todo o RD, por meio do Buscar no Repositório , isto é, o termo solicitado será localizado em qualquer campo do RD. No entanto esse tipo de pesquisa não é recomendada a não ser que se deseje um resultado amplo e generalizado.

A pesquisa apresentará melhor resultado selecionando um dos filtros disponíveis em Navegar

Os filtros disponíveis em Navegar tais como: Coleções, Ano de publicação, Títulos, Assuntos, Autores, Revista, Tipo de publicação são autoexplicativos. O filtro, Autores IPEN apresenta uma relação com os autores vinculados ao IPEN; o ID Autor IPEN diz respeito ao número único de identificação de cada autor constante no RD e sob o qual estão agrupados todos os seus trabalhos independente das variáveis do seu nome; Tipo de acesso diz respeito à acessibilidade do documento, isto é , sujeito as leis de direitos autorais, ID RT apresenta a relação dos relatórios técnicos, restritos para consulta das comunidades indicadas.

A opção Busca avançada utiliza os conectores da lógica boleana, é o melhor recurso para combinar chaves de busca e obter documentos relevantes à sua pesquisa, utilize os filtros apresentados na caixa de seleção para refinar o resultado de busca. Pode-se adicionar vários filtros a uma mesma busca.

Exemplo:

Buscar os artigos apresentados em um evento internacional de 2015, sobre loss of coolant, do autor Maprelian.

Autor: Maprelian

Título: loss of coolant

Tipo de publicação: Texto completo de evento

Ano de publicação: 2015

Para indexação dos documentos é utilizado o Thesaurus do INIS, especializado na área nuclear e utilizado em todos os países membros da International Atomic Energy Agency – IAEA , por esse motivo, utilize os termos de busca de assunto em inglês; isto não exclui a busca livre por palavras, apenas o resultado pode não ser tão relevante ou pertinente.

95% do RD apresenta o texto completo do documento com livre acesso, para aqueles que apresentam o significa que e o documento está sujeito as leis de direitos autorais, solicita-se nesses casos contatar a Biblioteca do IPEN, bibl@ipen.br .

Ao efetuar a busca por um autor o RD apresentará uma relação de todos os trabalhos depositados no RD. No lado direito da tela são apresentados os coautores com o número de trabalhos produzidos em conjunto bem como os assuntos abordados e os respectivos anos de publicação agrupados.

O RD disponibiliza um quadro estatístico de produtividade, onde é possível visualizar o número dos trabalhos agrupados por tipo de coleção, a medida que estão sendo depositados no RD.

Na página inicial nas referências são sinalizados todos os autores IPEN, ao clicar nesse símbolo será aberta uma nova página correspondente à aquele autor – trata-se da página do pesquisador.

Na página do pesquisador, é possível verificar, as variações do nome, a relação de todos os trabalhos com texto completo bem como um quadro resumo numérico; há links para o Currículo Lattes e o Google Acadêmico ( quando esse for informado).

ATENÇÃO!

ESTE TEXTO "AJUDA" ESTÁ SUJEITO A ATUALIZAÇÕES CONSTANTES, A MEDIDA QUE NOVAS FUNCIONALIDADES E RECURSOS DE BUSCA FOREM SENDO DESENVOLVIDOS PELAS EQUIPES DA BIBLIOTECA E DA INFORMÁTICA.

O gerenciamento do Repositório está a cargo da Biblioteca do IPEN. Constam neste RI, até o presente momento 20.950 itens que tanto podem ser artigos de periódicos ou de eventos nacionais e internacionais, dissertações e teses, livros, capítulo de livros e relatórios técnicos. Para participar do RI-IPEN é necessário que pelo menos um dos autores tenha vínculo acadêmico ou funcional com o Instituto. Nesta primeira etapa de funcionamento do RI, a coleta das publicações é realizada periodicamente pela equipe da Biblioteca do IPEN, extraindo os dados das bases internacionais tais como a Web of Science, Scopus, INIS, SciElo além de verificar o Currículo Lattes. O RI-IPEN apresenta também um aspecto inovador no seu funcionamento. Por meio de metadados específicos ele está vinculado ao sistema de gerenciamento das atividades do Plano Diretor anual do IPEN (SIGEPI). Com o objetivo de fornecer dados numéricos para a elaboração dos indicadores da Produção Cientifica Institucional, disponibiliza uma tabela estatística registrando em tempo real a inserção de novos itens. Foi criado um metadado que contém um número único para cada integrante da comunidade científica do IPEN. Esse metadado se transformou em um filtro que ao ser acionado apresenta todos os trabalhos de um determinado autor independente das variáveis na forma de citação do seu nome.

A elaboração do projeto do RI do IPEN foi iniciado em novembro de 2013, colocado em operação interna em julho de 2014 e disponibilizado na Internet em junho de 2015. Utiliza o software livre Dspace, desenvolvido pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT). Para descrição dos metadados adota o padrão Dublin Core. É compatível com o Protocolo de Arquivos Abertos (OAI) permitindo interoperabilidade com repositórios de âmbito nacional e internacional.

1. Portaria IPEN-CNEN/SP nº 387, que estabeleceu os princípios que nortearam a criação do RDI, clique aqui.


2. A experiência do Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN-CNEN/SP) na criação de um Repositório Digital Institucional – RDI, clique aqui.

O Repositório Digital do IPEN é um equipamento institucional de acesso aberto, criado com o objetivo de reunir, preservar, disponibilizar e conferir maior visibilidade à Produção Científica publicada pelo Instituto, desde sua criação em 1956.

Operando, inicialmente como uma base de dados referencial o Repositório foi disponibilizado na atual plataforma, em junho de 2015. No Repositório está disponível o acesso ao conteúdo digital de artigos de periódicos, eventos, nacionais e internacionais, livros, capítulos, dissertações, teses e relatórios técnicos.

A elaboração do projeto do RI do IPEN foi iniciado em novembro de 2013, colocado em operação interna em julho de 2014 e disponibilizado na Internet em junho de 2015. Utiliza o software livre Dspace, desenvolvido pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT). Para descrição dos metadados adota o padrão Dublin Core. É compatível com o Protocolo de Arquivos Abertos (OAI) permitindo interoperabilidade com repositórios de âmbito nacional e internacional.

O gerenciamento do Repositório está a cargo da Biblioteca do IPEN. Constam neste RI, até o presente momento 20.950 itens que tanto podem ser artigos de periódicos ou de eventos nacionais e internacionais, dissertações e teses, livros, capítulo de livros e relatórios técnicos. Para participar do RI-IPEN é necessário que pelo menos um dos autores tenha vínculo acadêmico ou funcional com o Instituto. Nesta primeira etapa de funcionamento do RI, a coleta das publicações é realizada periodicamente pela equipe da Biblioteca do IPEN, extraindo os dados das bases internacionais tais como a Web of Science, Scopus, INIS, SciElo além de verificar o Currículo Lattes. O RI-IPEN apresenta também um aspecto inovador no seu funcionamento. Por meio de metadados específicos ele está vinculado ao sistema de gerenciamento das atividades do Plano Diretor anual do IPEN (SIGEPI). Com o objetivo de fornecer dados numéricos para a elaboração dos indicadores da Produção Cientifica Institucional, disponibiliza uma tabela estatística registrando em tempo real a inserção de novos itens. Foi criado um metadado que contém um número único para cada integrante da comunidade científica do IPEN. Esse metadado se transformou em um filtro que ao ser acionado apresenta todos os trabalhos de um determinado autor independente das variáveis na forma de citação do seu nome.